phone-958066_1280

Como funciona push notification – será que essa estratégia é útil para a sua empresa?

Como você consegue atrair a atenção do seu cliente? Saber como funciona push notification pode ajudar muito nessa conquista.

“Programe seu almoço”.

“Tem novidade no ar, Caio”.

“Desconto de 15% na primeira compra, cadastre seu e-mail”.

Alguma destas frases parece familiar? Pois é, são alguns exemplos de como funciona push notification em grandes empresas como Ifood, Netflix e e-commerce dos mais variados nichos.

Muito melhor do que telefonemas e mensagens de empresas que você mal conhece, não é mesmo? Push notification é, portanto, uma ótima maneira de lembrar o cliente sobre a sua marca, mas de uma forma menos invasiva e, claro, autorizada.

Vamos entender melhor como funciona push notification e quais os melhores momentos para utilizar essa estratégia no seu negócio?

O que é push notification

 

Como já adiantamos na introdução, push notification são aqueles avisos que aparecem na tela do seu dispositivo móvel, ou computador. As mensagens podem ser variadas e modificadas conforme o propósito do contato.

Push notification é, portanto, uma estratégia de marketing para reafirmar o relacionamento com o cliente, lembrá-lo que dentre tantos aplicativos, sites e marcas você está ali presente na rotina dele.

Entretanto, diferente das antigas listas de contatos que muitas empresas usavam, e ainda usam, é um meio de comunicação mais moderno e menos invasivo. Isso quer dizer que continuamos no caminho de dar ao cliente sempre o poder de decisão.

Afinal, saber como funciona push notification e aplicá-la permite que você ofereça ao cliente a opção de desabilitar suas notificações, habilitar e até interagir com elas através de feedbacks.

Em quais momentos usar?

A estratégia de push notification não é de hoje, ela surgiu lá no começo dos anos 2.000, quando a  BlackBerry avisava o usuário sobre novas mensagens, emails, etc.

Hoje, ela é utilizada em conjunto com inúmeras tecnologias, como big data, inteligência artificial e dados de geolocalização para mandar mensagens cada vez mais específicas.

Saiba mais – Disparo de SMS por geolocalização: por que você deve usar?

O Ifood, por exemplo, utiliza desse mecanismo para lembrar o cliente de uma oferta, minutos antes da sua hora de almoço. Ou fazer um comentário bem-humorado no meio do dia de trabalho, para que ele lembre de realizar uma pausa para o lanche.

 

Os objetivos de contato, no entanto, podem ser os mais diversos, desde ofertas, notícias, informações, lembretes, até um contato mais informal para chamar a atenção.

Veja abaixo algumas das aplicações mais comuns:

  • Resgatar um cliente que não usa o app há algum tempo e com alta probabilidade de churn;
  • Aproveitar momentos e horários que o cliente pode precisar do seu serviço, ou produto, para lembrar que você é uma ótima opção;
  • Manter a sua marca presente na memória do usuário, com informações, notícias e mensagens do interesse dele;
  • Verificar a proximidade deste cliente com uma loja física e avisá-lo sobre isso;
  • Noticiar um novo produto ou serviço;
  • Avisar sobre mudanças no horário de atendimento ao cliente, falhas no sistema ou notícias urgentes que podem prejudicar a experiência dele de navegação, ou compra;
  • Compartilhar com o cliente atualizações das entregas, lançamentos, etc.

Agora que você já sabe o que significa esta ferramenta, e quando utilizá-la, vamos entender como funciona push notification.

Como funciona push notification

A ideia de push notification é utilizar uma ferramenta e a tag determinadas, que permitem o envio de notificações para usuários selecionados, em momentos específicos. Isso é realizado através de um processo de segmentação, tal qual aplicamos nas estratégias de marketing já conhecidas em sites e aplicativos.

No entanto, o como funciona push notification no quesito autorização é muito diferente das propagandas comuns, que você precisa clicar no X sempre que a mensagem aparecer. Com as push notifications o usuário pode habilitar ou desabilitar o recebimento conforme desejar e ainda assim manter o app instalado.

Ah! O mesmo ocorre com as push notifications em blogs, sites e e-commerces, que os clientes podem continuar a navegação mesmo se não quiserem ler, receber, ou acessar a notificação.

Com essa livre escolha, precisamos ponderar e avaliar muitas informações para evitar que, por um deslize, o cliente perca o interesse em você. Quer algumas dicas para não desperdiçar essa atenção tão valiosa?

Dicas!

  • Dê a sua melhor tacada, sempre!

Ganhar a atenção do cliente atarefado, omnichannel, ultra digital é uma missão pra lá de difícil, não é mesmo?

Por isso, saber só como funciona push notification não vai garantir que ele te dê a atenção esperada. Você precisa ser criativo, estampar personalidade na notificação e usar de estratégias de persuasão para fisgá-lo na primeira frase.

Afinal, você vai ter poucos caracteres para convencê-lo a acessar o app, não desperdice!

É sempre interessante tocar em pontos em comum, quanto mais segmentado e personalizado for esse contato, maiores as chances de assertividade. E, vale ressaltar que não estamos falando de contatos individuais, mas sim personalizados.

Por exemplo, se você tem um aplicativo de gerenciamento financeiro, enviar push notifications com notícias sobre a bolsa de valores, dados sobre economia e lembretes rápidos sobre finanças pessoais são notificações personalizadas extremamente interessantes para o usuário.

Você sabe qual o interesse do cliente ao baixar seu app, ou entrar no seu site, utilize esse conhecimento para realizar a melhor abordagem!

Aliás, você conhece bem o seu cliente, certo? Não? Então, precisa ver agora mesmo a próxima dica.

  • Utilize ferramentas para descobrir o perfil de comportamento online do seu cliente.

Não faz sentido, por exemplo, a Netflix mandar uma notificação sobre um lançamento segunda-feira às dez da manhã, certo? A probabilidade do usuário estar na escola, faculdade, ou trabalho é enorme.

E, com o tempo que passamos nos dispositivos móveis essa mensagem vai ser perder na memória dele e você acabou de desperdiçar uma tacada.

Por isso, não basta entender como funciona push notification, é preciso saber qual a melhor abordagem e horário para falar com o cliente. Para isso é indispensável conhecer o perfil online do seu cliente. Isso inclui:

  • Quanto tempo ele fica online;
  • Quais os horários de pico de acesso do seu público-alvo;
  • Quantas notificações ele realmente precisa receber – Cuidado com os exageros! 
  • Qual período do dia o seu serviço/produto é mais recomendado;
  • Faixa etária, localização e atividades comuns.

Com estes dados em mãos você consegue fazer com que a estratégia de push notification seja muito mais assertiva. Minimizando, portanto, as chances de ser inconveniente, cansar o cliente e até mesmo impulsioná-lo a desativar as notificações.

Você deve ter notado que otimizar o seu mundo através da inteligência de dados, localização e mapas é um passo determinante na aplicação das dicas de como funciona push notification. Quer entender como a Maplink pode te ajudar nesse processo? Então, conheça um pouco mais sobre as nossas funcionalidades!

Maplink

A Maplink, junto com o seu time de TI ou desenvolvimento, oferece uma solução robusta, usando a tecnologia para otimizar as operações de sua empresa, garantindo informações estratégicas e a redução de custos operacionais.

Somos a maior empresa de tecnologia de geolocalização da América Latina, com 20 anos de experiência na área!

Desenvolvemos soluções que permitem utilizar a inteligência da geolocalização para melhorar a integração entres os canais online e offline, por meio da integração do seu sistema com a API do Google Maps. Mas quais são os benefícios disso na prática?

  • Aumento da eficiência nos atendimentos, reduzindo o tempo de resposta e facilitando o acesso ao histórico de cada cliente;
  • Maior agilidade e melhora na comunicação entre cliente e empresa, garantindo uma experiência de compra muito mais positiva para o consumidor;
  • Mais agilidade no fluxo de trabalho, uma vez que o sistema passa a ser alimentado automaticamente e em tempo real;
  • Acesso a dados atualizados, que facilitam o acompanhamento de métricas e indicadores que garantem a satisfação dos clientes;
  • Melhora na rentabilidade, devido ao aumento da produtividade da equipe.

Apoiamos empresas que são protagonistas e referências nos mercados em que atuam, como: Mercado Livre, Decolar.com, Gol Linhas Aéreas, Nestlé e BRF. Agende agora mesmo uma conversa com um de nossos especialistas.

Gostou do artigo? Então compartilhe em suas redes sociais! Ah, não esqueça de assinar a nossa newsletter para acompanhar os melhores artigos do blog da Maplink.
gerenciamento de pedidos

Tags: No tags

Comments are closed.