como gerir uma empresa em tempo de crise

Como gerir uma empresa em tempo de crise? [4 ferramentas]

Como gerir uma empresa em tempo de crise? Essa é a pergunta que não sai da cabeça de muitos gestores, que têm visto suas empresas serem afetadas pelos reflexos da crise causada pela pandemia de COVID-19.

Olhar para o impacto financeiro gerado nos consumidores pode ser uma forma de prever como o mercado será afetado, uma vez que, com as medidas de afastamento e a redução de seu poder aquisitivo, as pessoas deixam de consumir.

O gráfico abaixo, apresentado na 4ª edição da pesquisa Impactos nos Hábitos de Compra e Consumo, realizada pela Opinion Box, nos dá uma noção de como tem sido a evolução do comportamento dos consumidores ao longo desse período.

como gerenciar uma empresa em tempos de crise COVID-19

Fonte: Opinion Box | Impacto nos Hábitos de Compra e Consumo – 4ª Edição

Os dados apontam que, dentre os entrevistados, a maioria tem a percepção de que sua renda irá diminuir (57%), e suas despesas irão aumentar (52%). Como consequência disso, muitos têm deixado de comprar itens não essenciais, com o objetivo de economizar.

Em meio a este cenário estão as empresas, que precisam lidar com a queda de faturamento e ainda pensar em estratégias para se reerguer após a crise.

Pensando nisso, neste artigo preparamos algumas dicas de como gerir uma empresa em tempo de crise, além de sugerir algumas ferramentas que podem contribuir neste momento tão desafiador.

Leia também: Crise no Varejo: como superar este grande desafio do setor?

Afinal, como gerir uma empresa em tempo de crise?

Algo que deve ficar claro é que: seus concorrentes estão enfrentando a mesma crise que você. Logo, aquele que se planejar, elaborando a melhor estratégia de enfrentamento, poderá se destacar, chegando ao fim deste período de turbulência mais forte do que entrou.

Momentos de crise impulsionam mudanças, tanto por parte do mercado, que é diretamente impactado pelo que ocorre no mundo, quanto por parte das empresas, que precisam se adaptar às novas tendências. Da mudança de comportamento à criação e adesão à novas tecnologias, é importante estar sempre à frente.

Confira três dicas úteis de como gerir uma empresa em tempo de crise:

1 – Faça um planejamento e estabeleça prioridades

Ao gerir uma empresa em tempo de crise, como a que vivemos devido a pandemia de COVID-19, um gestor precisa ter muito claro o que é prioridade e o que pode ser adiado ou cortado.

Com base nisso e em uma observação do cenário atual, é possível elaborar um planejamento capaz de suavizar os impactos da crise e preparar a empresa para a retomada dos negócios no futuro.

Obviamente, tudo o que estiver relacionado a qualidade do serviço, atendimento ou produto que sua empresa oferece, deve ser considerado como prioridade, afinal, a relação com o cliente é um dos pilares mais importantes de qualquer negócio.

Por outro lado, é necessário identificar e eliminar desperdícios, adiar reformas que não sejam vitais para o funcionamento da empresa, etc. Neste sentido, o papel desempenhado pela prevenção de perdas recebe uma importância ainda maior neste momento, atuando justamente na identificação desses focos.

2 – Mantenha sua empresa presente no dia a dia dos consumidores

Um reflexo muito comum por parte da gestão de uma empresa em tempo de crise é cortar ou reduzir a verba de marketing. Mas porque isso é um erro?

A construção da imagem de uma marca requer tempo e investimento. Ao cortar a verba de marketing em meio a crise, a marca tende a perder visibilidade, podendo até mesmo cair no esquecimento.

Vale destacar que, ao fim da crise, haverá muitas pessoas dispostas a consumir. Neste momento, as marcas que estiverem mais em alta, certamente terão vantagens.

3 – Seja flexível, inove e se adapte sempre que possível

Gerir uma empresa em tempo de crise requer flexibilidade e capacidade de encarar a situação em sua total amplitude, enxergando oportunidades de inovar e se reinventar, mesmo em meio às adversidades.

Cada tipo de negócio possui suas particularidades. A rotina de trabalho de um escritório de contabilidade, por exemplo, será diferente da de uma loja de móveis ou de um supermercado. Mas se há uma coisa que momentos de crise costumam evocar, é nossa capacidade de adaptação, que nos permite descobrir novas formas de atuar.

  • trabalhos que antes eram realizados em escritórios, agora estão funcionando no modelo home office;
  • supermercados e farmácias estão cada vez mais aderindo ao serviço de entrega expressa;
  • além disso, é um ótimo momento para que lojas físicas, sem presença na Internet, cogitem a possibilidade de aderir ao e-commerce, expandindo sua cobertura.

A boa notícia é que os benefícios conquistados pelas mudanças em decorrência da pandemia, poderão continuar rendendo frutos, mesmo após o fim da crise.

4 ferramentas para ajudar no gerenciamento da sua empresa

Agora que já vimos algumas dicas de como gerir uma empresa em tempo de crise, vamos conhecer algumas ferramentas que podem ajudar neste processo.

1 – Slack

Comunicação é um dos elementos mais importantes na gestão de qualquer negócio, principalmente quando se trata de trabalho remoto, onde não é possível dar aquele pulinho na sala ao lado para tirar dúvidas ou acompanhar o andamento do projeto.

Uma ótima ferramenta para integrar os membros de uma equipe é o Slack, otimizando a comunicação e aumentando a produtividade. Nesta plataforma, os colaboradores podem interagir com mensagens diretas e em salas de bate-papo, que podem ser organizadas por temas.

Uma função muito interessante é a possibilidade de pesquisar no histórico de conversas, que no plano gratuito, permite a busca e visualização nas 10.000 mensagens mais recentes, o que já pode ser o suficiente para muitos negócios. Se não for o caso da sua empresa, você pode consultar os planos pagos.

No vídeo abaixo você pode ver como a ferramenta funciona na prática:

2 – Trello

Já conhecido por muitos, o Trello é uma das melhores ferramentas do mercado para organização, distribuição e gestão de tarefas, seja em nível individual ou em equipe.

Possibilita uma organização simples e intuitiva do fluxo de trabalho, permitindo ao gestor uma visão ampla de todo o processo. A possibilidade de criar colunas, dividindo as tarefas de acordo com o seu estágio de desenvolvimento, torna muito mais fácil a visualização do ritmo de trabalho.

Além disso, a ferramenta também pode auxiliar no controle de tarefas administrativas, como no registro de pagamento de contas, recebimentos, etc. Confira um guia rápido das funcionalidades da ferramenta:

3 – Ferramentas Google

A Google possui um conjunto completo de ferramentas extremamente úteis, capazes de otimizar o trabalho remoto e contribuir para a gestão de uma empresa em tempo de crise.

Funcionando em nuvem, essas ferramentas permitem a colaboração entre membros de uma equipe, bem como o acompanhamento das atividades desenvolvidas. Alguns exemplos são:

  • criação e edição de documentos de texto, apresentações e planilhas que podem ser compartilhadas por meio de links;
  • compartilhamento e transferência de pastas e arquivos por meio do Drive;
  • acompanhamento de datas e prazos pela Google Agenda;
  • e-mail profissional com o Gmail;
  • videoconferência com o Duo;
  • troca de mensagens pelo Hangouts.

4 – APIs

APIs são ferramentas que permitem integrar diferentes sistemas e plataformas, permitindo seu funcionamento em conjunto e possibilitando o uso de novas funções. As Google APIs, por exemplo, permitem ações como:

  • otimizar a roteirização de cargas e entregas;
  • calcular a distância e o tempo de deslocamento entre dois pontos;
  • definir as melhores rotas, com base em informações de trânsito em tempo real;
  • servir como base para estratégias que visem conhecer os padrões de consumo da população de uma determinada região;
  • além de muitas outras possibilidades.

As APIs podem proporcionar uma série de vantagens para a sua empresa, seja na adoção de uma estratégia de geomarketing, com o objetivo de conhecer melhor o seu público-alvo, maximizando o seu alcance; ou integrando soluções, de modo a otimizar processos logísticos, e assim, oferecer um atendimento ainda melhor a seus clientes.

Como a Maplink e suas APIs podem ajudar no gerenciamento de sua empresa durante a crise?

A Maplink, maior empresa de tecnologia em geolocalização da América Latina, com 20 anos de experiência na área, fornece o apoio para otimizar as operações de sua empresa, garantindo informações estratégicas e a redução de custos operacionais.

Em parceria com sua equipe de TI, integramos soluções que permitem utilizar a inteligência da geolocalização para melhorar a comunicação entres os canais online e offline, por meio da integração do seu sistema com a API do Google Maps. Mas quais são os benefícios disso na prática?

  • Aumento da eficiência nos atendimentos, reduzindo o tempo de resposta e facilitando o acesso ao histórico de cada cliente;
  • Maior agilidade e melhora na comunicação entre cliente e empresa, garantindo uma experiência de compra muito mais positiva para o consumidor;
  • Maior agilidade no fluxo de trabalho, uma vez que o sistema passa a ser alimentado automaticamente e em tempo real;
  • Redução de custos por meio da automatização de atividades, eliminação do uso de papel e otimização dos deslocamentos ao agrupar trabalhos geograficamente próximos;
  • Acesso a dados atualizados, que facilitam o acompanhamento de métricas e indicadores que garantem a satisfação dos clientes;
  • Melhora na rentabilidade, devido ao aumento da produtividade da equipe.

Apoiamos empresas que são protagonistas e referências nos mercados em que atuam, como: Mercado Livre, Decolar.com, Gol Linhas Aéreas, Nestlé e BRF. Agende agora mesmo uma conversa com um de nossos especialistas.

Gostou do artigo? Então compartilhe em suas redes sociais e ajude outras pessoas a entenderem como gerir uma empresa em tempo de crise! Além disso, assine a nossa newsletter para acompanhar os melhores artigos do blog da Maplink.

como gerir empresa tempo de crise

Comments are closed.