o que são gateways de pagamentos e-commerce

O que são gateways de pagamento? Como funcionam e vantagens

Você tem um negócio digital? Um e-commerce? Então é essencial que você saiba o que são gateways de pagamento e como podem facilitar a vida de sua empresa! Em linhas gerais, gateways de pagamento são serviços que processam transações financeiras para comércios eletrônicos, garantindo as vendas sem complicações para os seus clientes.

O mundo atual exige cada vez mais facilidades, concorda? E a tecnologia avança de forma implacável para oferecer as melhores soluções tanto para empresas quanto para os consumidores finais. Os meios de pagamento online são importantíssimos dentro deste tópico.

O próprio mercado de pagamentos com cartões movimentou R$ 297 bilhões no mercado brasileiro contando apenas os três primeiros meses de 2020. Os dados são da Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs). Logo, não é à toa o interesse em implementar a função de pagamentos do WhatsApp aqui no Brasil.

Mas e em relação aos gateways de pagamento? O que são e como funcionam? Continue lendo para entender com detalhes antes de implementar em sua empresa.

O que são gateways de pagamento?

Os gateways de pagamento são nada mais do que plataformas e softwares com serviços para que negócios digitais possam vender e receber pagamentos com facilidade.

Ou seja, é um serviço que serve como ponte e conecta o seu e-commerce com os agentes financeiros, como operadores de cartões de crédito e bancos. É basicamente como se você tivesse uma maquininha de cartões, mas virtual.

Por meio de uma API, o gateway de pagamento oferece um sistema de integração que donos de lojas virtuais podem contratar para receber pelas vendas de produtos online. É possível conectar o seu negócio a várias adquirentes e manter toda a sua operação de vendas centralizada.

Como funciona um gateway de pagamento?

Em um exemplo prático para você entender como funciona um gateway de pagamento, imagine as seguintes etapas em sua loja virtual:

  1. O cliente acessa o seu e-commerce e coloca no carrinho o que deseja comprar ou indo direto para o checkout;
  2. Você oferece um gateway de pagamento para a finalização da compra;
  3. O cliente pode escolher pagar com cartão de crédito, débito, transferência ou boleto (depende de cada gateway), além de parcelar ou não;
  4. O gateway de pagamento, então, faz a conexão com o adquirente para processar a transação;
  5. O adquirente se comunica com as bandeiras e com o banco para validar os dados e se certificar que há saldo disponível;
  6. O banco aprova a transação e o gateway envia a mensagem de confirmação da compra para o cliente.
  7. Por fim, cabe a você assegurar a entrega expressa do produto ao cliente.

Entre alguns dos mais completos e melhores gateways (ou intermediadores) de pagamentos, podemos citar: Mundipagg, Adyen, Braspag, Iugu, Wirecard, PayPal, Mercado Pago, entre outros. Mas esse assunto nos leva a algo muito importante…

Diferença entre gateways e intermediador de pagamento

É importante que você entenda a diferença entre intermediadores e gateways de pagamento. Há certos detalhes que podem ajudar a escolher entre um e outro para o seu negócio digital.

Em buscas online, há muitas divergências sobre ambos os conceitos e certa confusão sobre quais empresas são o quê. Por exemplo: mesmo sendo intermediadores, muitas vezes o Mercado Pago e o PagSeguro são chamados de gateways também.

Contudo, o princípio de ambos é o mesmo: conectar o cliente, o comerciante e as adquirentes durante o processo de venda. A principal diferença está no fato de o intermediador realizar esse processo de forma mais completa, como você pode ver nas vantagens abaixo:

  • Possui ferramentas de proteção de dados e segurança integradas;
  • Conta com um processo menos burocrático, já que é apenas um contrato para negociar;
  • Oferece uma integração mais simples e prática de se fazer.

Já as desvantagens dos intermediários de pagamento são:

  • Pode apresentar página de redirecionamento, o que às vezes leva ao carrinho abandonado e a um menor número de conversões;
  • Em geral, possui maior tempo para a confirmação do pagamento;
  • Tem taxas que costumam ser mais altas por operação.

Portanto, em síntese, podemos dizer que a maior desvantagem do gateway de pagamento é em relação à segurança e ao sistema de prevenção de fraude. A princípio, os gateways não oferecem esses serviços. Porém, às vezes uma ou outra empresa fornecer como adicional pago ou não.

Por outro lado, isso nos leva ao nosso próximo item: quais são as vantagens dos gateways de pagamentos?

Vantagens dos gateways de pagamento

São diversas vantagens que os gateways de pagamento oferecem para e-commerces e negócios digitais em geral. Confira:

  • Aceita diferentes formas de pagamento: o seu cliente pode realizar a compra por meio de cartões de crédito ou débito, boletos bancários ou débito em conta. No entanto, é importante analisar cada gateway, pois as opções oferecidas podem ser diferentes;
  • Permite parcelamentos: a possibilidade de parcelamento muitas vezes é o que faz a diferença pros brasileiros na hora da compra. Poder oferecer parcelas com ou sem juros é outra vantagens dos gateways de pagamento;
  • Negociação de taxas: existe a possibilidade de negociar com quais adquirentes e bandeiras você deseja trabalhar, assim é possível garantir taxas melhores para o seu negócio e reduzir custos;
  • Checkout transparente: ao contrário dos intermediadores em que há redirecionamentos, os gateways conseguem diminuir a taxa de abandono de carrinho ao realizar todo o processo em sua própria página;
  • Adiantamento de recebíveis: é possível optar por antecipar os pagamentos por cartão de crédito conforme o pagamento de uma taxa maior;

Leia mais: 5 dicas rápidas para aumentar as vendas do e-commerce

Gateway de pagamento para e-commerce vale a pena?

Agora você já sabe o que são gateways de pagamento, mas será que vale a pena implementar um em seu e-commerce?

A verdade é que o meio de pagamento escolhido pode definir o sucesso de vendas de qualquer negócio online. Implementá-lo em sua loja virtual é fundamental e representa menos dores de cabeça para os seus clientes. É uma solução inteligente que vale a pena por ser automatizada e reunir o necessário para converter mais vendas.

Como dito, existem inúmeras opções de gateways de pagamento com soluções completas para o seu e-commerce e a escolha de qual alternativa depende das necessidades inerentes ao seu negócio. Seja um gateway ou um intermediador de pagamento, a realidade é que ambos são indispensáveis para otimizar as suas vendas.

Leia também: Como gerenciar um e-commerce – 5 dicas poderosas de sucesso

Com seu negócio digital gerando cada vez mais vendas por meio dos melhores meios de pagamento online, você terá de trabalhar para garantir uma entrega rápida e uma boa logística de e-commerce para os seus clientes.

Confira como a Maplink pode te ajudar nesse processo!

Logística e entregas expressas para e-commerce

A Maplink, junto com o seu time de TI ou desenvolvimento, oferece uma plataforma de APIs que integram com os sistemas da sua empresa, usando a tecnologia para otimizar as operações de sua empresa, garantindo informações estratégicas e a redução de custos operacionais.

Somos a maior empresa de tecnologia de geolocalização da América Latina, com 20 anos de experiência na área!

Desenvolvemos soluções que permitem utilizar a inteligência da geolocalização para melhorar a integração entres os canais online e offline, por meio da integração do seu sistema com a API do Google Maps. Mas quais são os benefícios disso na prática?

  • Aumento da eficiência nos atendimentos, reduzindo o tempo de resposta e facilitando o acesso ao histórico de cada cliente;
  • Agilidade e melhora na comunicação entre cliente e empresa, garantindo uma experiência de compra muito mais positiva para o consumidor;
  • Mais agilidade no fluxo de trabalho, uma vez que o sistema passa a ser alimentado automaticamente e em tempo real;
  • Redução de custos por meio da automatização de atividades, eliminação do uso de papel e otimização dos deslocamentos ao agrupar trabalhos geograficamente próximos;
  • Acesso a dados atualizados, que facilitam o acompanhamento de métricas e indicadores que garantem a satisfação dos clientes;
  • Melhora na rentabilidade, devido ao aumento da produtividade da equipe.

Apoiamos empresas que são protagonistas e referências nos mercados em que atuam, como: Mercado Livre, JSL, Sem Parar, Nestlé e BRF.

Agende agora mesmo uma conversa com um de nossos especialistas.

Comments are closed.