Aprenda a criar um plano de logística sustentável

Sustentabilidade é a palavra do momento, e a tendência é que esse conceito faça parte do nosso cotidiano em diversos níveis. Exatamente por isso, falar em plano de logística sustentável é, ao mesmo tempo, atual e necessário.

Por Maplink

14/08/2018

Sustentabilidade é a palavra do momento, e a tendência é que esse conceito faça parte do nosso cotidiano em diversos níveis. Exatamente por isso, falar em plano de logística sustentável é, ao mesmo tempo, atual e necessário.

Com o foco em um mundo melhor, pessoas e empresas estão apostando em estratégias que contribuam para a redução da poluição e do desperdício e, claro, investem no estímulo ao consumo consciente.

A logística tem muito a contribuir com essa nova realidade e, por isso, preparamos este post. Continue a leitura e se informe melhor.

O que é logística sustentável?

Logística sustentável é uma estratégia que visa promover práticas de sustentabilidade e racionalização nos processos logísticos.

Na prática, temos uma mudança de foco desse setor, que passa a atuar com responsabilidade ambiental. Para isso, diversas ações são desenvolvidas, como:

  • reaproveitamento de água na manufatura;
  • redução da emissão de gases poluentes derivados da produção industrial;
  • uso de embalagens biodegradáveis;
  • redução dos desperdícios de insumos;
  • adoção da reciclagem ou parcerias com cooperativas;
  • contratação de mão de obra local;
  • investimentos na logística reversa;
  • modernização da frota;
  • otimização das rotas de transporte;
  • manutenções preventivas nos veículos de carga.

Qual a importância da sustentabilidade no setor de logística?

No que diz respeito à logística sustentável, é inegável o quanto a união de eficiência e preocupação ambiental e social potencializa os resultados de qualquer empresa. Com isso, o conceito tem ocupado um papel de destaque no mundo empresarial e industrial.

A prática colabora com os diversos acordos internacionais sobre o tema, aumentando a credibilidade do negócio no mercado. Além disso, diante da intensa valorização de iniciativas verdes por parte dos consumidores, isso ajuda a estabelecer um vínculo com o público e atrair novos clientes.

Por último, vale a pena destacar que a logística sustentável traz benefícios que vão além das questões ambientais. É possível visualizar um ganho expressivo de eficiência e a redução de custos, gerando uma vantagem competitiva e ampliando a margem de lucro.

Como criar um plano de logística sustentável?

Diante do exposto, pode-se afirmar que a criação de um plano de logística sustentável é uma estratégia inteligente. No entanto, muitos gestores ainda enfrentam dificuldades nessa etapa. Por esse motivo, selecionamos algumas dicas importantes:

Invista em capacitação da equipe

O primeiro passo para criar um bom plano é investir em capacitação dos funcionários, para que eles compreendam os impactos e benefícios dessa prática. Quando a equipe é engajada, os resultados são mais expressivos.

Faça um novo planejamento de logística

No atual contexto, preocupar-se apenas em realizar entregas no local e prazo acordados com o cliente é insuficiente. Dessa maneira, é preciso reavaliar todo o processo e planejar a logística com o foco em minimizar os impactos sociais e ambientais gerados por essas operações.

Conheça as suas necessidades e particularidades

Não se pode falar em um plano padrão de logística sustentável, posto que cada empresa deve montá-lo com base em sua realidade. Questões como o ritmo da produção, a área de atuação, a dinâmica de entregas e a complexidade da cadeia de suprimentos devem ser analisadas com atenção.

Selecione os fornecedores com rigor

Quando o negócio pretende ser reconhecido como sustentável, é preciso escolher muito bem seus fornecedores. Isso porque todos eles influenciam em sua imagem e reputação no mercado, sendo essencial se unir a “empresas verdes”.

Invista em logística reversa

A logística reversa é um conceito que está em plena harmonia com a sustentabilidade. Por meio dela, os veículos que retornariam vazios são otimizados, aperfeiçoando o processo de trocas e devoluções e reduzindo o consumo de combustível.

Planeje as suas rotas de entregas

Por último, é importante destacar que o planejamento de rotas é mais uma prática indispensável à implementação de uma logística sustentável. Isso porque, com o auxílio da tecnologia, é possível escolher os melhores trajetos e otimizar o processo de entrega.

Conforme visto ao longo do post, a logística sustentável é uma tendência que deve se firmar ainda mais nos próximos anos. Gestores mais atentos a essas mudanças de mercado precisam se preparar para isso, especialmente porque falamos de benefícios ambientais e financeiros às empresas.

Gostou deste material? Compartilhe-o nas suas redes sociais e ajude seus amigos a se informarem melhor sobre o tema!

Baixe nosso ebook

Nossos Escritórios


O Maplink usa cookies

Por favor, confirme se você aceita nossos cookies de rastreamento. Você pode recusar e continuar navegando no Maplink sem enviar dados. Ler