Exemplo de APIs

Exemplos de APIs: veja como integrar soluções de logística

A informação é algo essencial hoje para todas as áreas de uma empresa. Quando falamos em logística, essa importância se multiplica, já que a eficiência da produção e entrega dependem desse setor. Integrar os sistemas pode ser uma boa ideia para melhorar o fluxo de informação. Vamos dar para você alguns exemplos de API de integração.

Se você não sabe o que é uma API, não se preocupe, pois vamos explicar de forma simples o que é e como elas podem resolver o seu problema. Então continue conosco e boa leitura!

O que é API

A Application Programming Interface é um conjunto de padrões e rotinas que são criados pela empresa que desenvolveu um software web para que outros sistemas possam, por meio dela, acessar informações contidas nesse software.

Ou seja, é como se o programa contasse com uma porta, e a API fosse a chave, não sendo possível ter acesso à casa toda, mas apenas a uma determinada sala, o que torna o processo completamente seguro.

O maior exemplo hoje, muito usado por sistemas de logística, é o Google Maps. Ele fornece APIs completas que são utilizadas por desenvolvedores para melhorar e fornecer maiores informações em seus mapas.

A importância da integração

Todas as empresas costumam utilizar diversas soluções em suas operações, pois a maioria das ferramentas não está preparada para atender completamente às suas necessidades. No entanto, isso é um desafio, uma vez que as informações devem ser inseridas em cada um dos softwares em uso.

Com essa duplicação constante de dados, a chance de erros aumenta. Isso acontece pelo excesso de informação circulando. A integração entre os sistemas elimina esse tipo de risco, facilitando a troca direta de dados entre as ferramentas, sem a necessidade de interação humana.

O resultado da integração é um ambiente muito mais produtivo e eficiente, em que cada um dos sistemas em uso é alimentado pelos outros e pode fornecer sua melhor performance.

Exemplos de API

Bom, agora que você já sabe o que é uma API e a importância da integração de dados entre as ferramentas, vamos ao que realmente interessa — alguns exemplos simples de aplicação:

TMS com Otimizador de rotas

O Transportation Management System é o sistema de gestão de transportes. Ele é responsável por gerir toda a frota. Já o Otimizador de rotas é um software que permite que sejam visualizados os melhores caminhos para uma determinada entrega.

Ao integrar os dois, será possível fornecer ao Otimizador de rotas todos os detalhes acerca dos veículos de sua frota. Sendo assim, ele poderá planejar quais são as melhores opções para cada trajeto.

Otimizador de rotas com WMS

O Warehouse Management System é o sistema de gestão responsável por controlar o estoque. Por meio de uma integração com o Otimizador de rotas, ele poderá prever os horários de chegada de carregamento, mantendo a equipe preparada.

Outra vantagem é conhecer todos os horários de saída e qual será a ordem de visitação dos clientes, podendo ser realizada a arrumação da carga de acordo com a ordem de saída de produtos.

WMS com ERP

O Enterprise Resource Planning é o sistema de gestão geral de uma empresa, sendo responsável por agrupar todas as informações dentro do negócio. Com sua integração ao WMS, é possível estar ciente de todas as mercadorias armazenadas.

Também pode-se saber quais são as demandas em termos de insumos e produtos, regulando a compra ou não de determinados itens, o que ajuda a evitar o gasto desnecessário de recursos financeiros e a manter um estoque enxuto.

Esperamos que você tenha compreendido os exemplos de API que listamos neste post e que fique atento na hora de escolher o seu fornecedor. Buscar por parceiros estratégicos, que entreguem sistemas que podem ser integrados, pode ser muito melhor do que realizar personalizações em ferramentas deficientes.

A Maplink é responsável pelas melhores soluções em logística, com APIs de fácil integração e alta tecnologia. Quer saber mais? Entre em contato conosco agora e veja o que podemos fazer pela sua empresa!

Comments are closed.