o-que-e-api-de-integracao

Você sabe o que é API de integração? Entenda de uma vez por todas!

Se você não sabe o que é API de integração, pode ser que neste exato momento sua empresa esteja ficando para trás. Ou ainda, pode ser que você já esteja utilizando esse tipo de ferramenta e nem tenha se dado conta.

Estamos tão acostumados com a praticidade e conforto que a tecnologia atual nos proporciona que até esquecemos como as coisas funcionavam antigamente.

Antes dos aplicativos de delivery e de rotas como o Google Maps e Waze, atividades simples, como pedir uma pizza, por exemplo, frequentemente incluíam uma etapa a mais: ter que explicar ao entregador como chegar no seu endereço. Hoje, basta inserir os dados no app e a pizza chega ainda quentinha na sua porta.

Este exemplo ilustra não apenas o avanço da tecnologia, mas algumas das possibilidades alcançadas exclusivamente por meio da utilização de APIs.

O uso dessas ferramentas vem crescendo a cada dia, conforme relatório do diretório ProgrammableWeb, que em junho de 2019 atingiu a marca de 22.000 APIs, com uma tendência de crescimento de 2.000 novas APIs ao ano.

Quer saber mais sobre o assunto? Então continue a leitura, pois neste artigo vamos explicar direitinho o que significa API, o que é API de integração e como essa ferramenta funciona.

Mas então, o que é API de integração?

Antes de vermos o que é API e como ela funciona, vamos entender o que significa API.

API é a sigla utilizada para Application Programming Interface ou, em português, Interface de Programação de Aplicativos. Trata-se de um conjunto de aplicações que permitem a construção de uma interface inteligente, configurando um meio pelo qual dois sistemas se comunicam.

Essa interface é responsável pelas ligações entre os recursos necessários para o bom desempenho de um software.

Em outras palavras, as APIs intermediam a comunicação entre dois sistemas ou plataformas. Semelhante a um intérprete, que viabiliza a comunicação entre pessoas que não falam um mesmo idioma, as APIs possibilitam a troca de dados entre sistemas distintos, permitindo sua integração e funcionamento.

Agora que você já sabe o que significa API, vamos aprofundar um pouco mais e entender as diferenças entre o que é API Pública ou Aberta e o que é API Privada.

Principais diferenças entre APIs Públicas ou Abertas e APIs Privadas

É possível dividir as APIs em dois grupos, as APIs Públicas ou Abertas e as APIs Privadas. Entenda que um modelo não é melhor que o outro, apenas diferente. A escolha dependerá das necessidades de cada negócio, logo, cabe a cada empresa fazer esse levantamento e avaliar as possibilidades disponíveis no mercado.

O que é API Aberta ou Pública

São APIs que podem ser utilizadas por qualquer empresa ou desenvolvedor. Porém, o termo “Pública” ou “Aberta” significa apenas que a API está disponível para outras empresas e desenvolvedores, e não exclusivamente pelo time interno da organização que a projetou.

Infográfico - API Aberta ou Pública - O que significa API

Infográfico – Funcionamento de uma API Aberta ou Pública. Fonte: apiacademy.co

No que se refere ao custo, algumas são gratuitas, outras contam com planos freemium e outras ainda, com uma opção de compra com um limite de uso que funciona como um sistema de créditos mensais.

Alguns exemplos de APIs Públicas são:

  • Google Maps
  • Facebook
  • Twitter
  • Trello

O que é API Privada

Diferentemente das APIs Públicas, as APIs Privadas são de uso exclusivo das organizações para as quais foram desenvolvidas. Essas interfaces dão acesso a sistemas e dados internos das empresas, por isso, só podem ser acessadas pelos seus próprios desenvolvedores.

Infográfico - Api Privada - O que é API

Infográfico – Funcionamento de uma API Privada. Fonte: apiacademy.co

São mais utilizadas em ambientes empresariais, e suas principais funções são:

  • Integrar sistemas internos
  • Construir novos sistemas
  • Aumentar a produtividade
  • Integrar diferentes setores
  • Otimizar a comunicação interna

Por que você deveria utilizar APIs?

O uso de APIs é capaz de viabilizar uma série de vantagens, como adicionar diferentes funções a sites e aplicativos. Dessa forma, é possível oferecer novos serviços e melhorar os já existentes.

Utilizando uma API de pagamento, por exemplo, você oferece mais segurança a seus clientes, o que faz toda a diferença, afinal, quando o assunto é dinheiro, ninguém gosta de correr riscos, não é mesmo? Com esse tipo de API você ainda consegue evitar fraudes, e pode oferecer diversas modalidades de pagamento.

E este é apenas um dos exemplos de API em todo um universo, onde existem milhares de interfaces como esta, voltadas para as mais diversas funções, como:

Além disso, ao integrar diferentes sistemas, essas ferramentas garantem um grau muito maior de eficiência, uma vez que possibilitam automatizar atividades burocráticas que levariam muito mais tempo para serem executadas manualmente.

Ao invés de desenvolver um sistema próprio do zero, muitas empresas acabam optando por adotar APIs de terceiros. Essa alternativa tende a ser mais simples, produtiva e econômica, uma vez que reduz consideravelmente o trabalho e ainda possibilita focar os recursos em atividades mais estratégicas.

Se você quer se aprofundar ainda mais nesse universo das APIs, confira o vídeo abaixo, produzido pelo canal Código Fonte TV:

Conte com a Maplink para ajudar sua empresa a crescer por meio de uma estratégia de APIs!

Agora você já sabe o que significa API e o que é API de integração, já tem uma boa noção do potencial que essas ferramentas podem ter para a sua empresa.

Se você está em busca de um diferencial para oferecer a seus clientes e, ao mesmo tempo, quer se destacar de seus concorrentes, conte com a gente!

Com uma parceria de mais de 12 anos com a Google, a Maplink é reconhecida pelo mais alto nível de desempenho e especialização nas APIs do Google Maps.

Desenvolvemos soluções que permitem utilizar a inteligência de geolocalização para melhorar a integração entres os canais online e offline, por meio da integração do seu sistema com a API do Google Maps. Mas como funciona na prática?

  • Permite que o usuário faça compras online e retire em loja física, ou vice-versa;
  • Permite expedir pedidos de forma automatizada;
  • Possibilita controlar a entrega em tempo real, levando em conta as características da sua empresa;
  • Possibilita a criação de roteiros de visitas para equipes internas que vão a campo;
  • E muitas outras possibilidades!

Se interessou? Acesse nosso site, e conheça nossas soluções em Google Maps Platform, ou entre em contato com um de nossos especialistas, e saiba como podemos ajudar o seu negócio a atingir o nível de grandes empresas, como BRF, Nestlé, Ambev e tantas outras!

Gostou do artigo? Então compartilhe em suas redes sociais e ajude outras pessoas a descobrirem o que significa API e o que é API de integração! Além disso, assine a nossa newsletter para acompanhar os melhores artigos do blog da Maplink.

Comments are closed.