global-network-technology-future_117856-1881

O que é geolocalização: como essa tecnologia revolucionou o cotidiano de tantas pessoas e empresas?

Apostamos que você sabe o que é geolocalização!

Não? Bom, mas com certeza você usa essa tecnologia no seu dia-a-dia. Ainda uma resposta negativa? Então, olhe com atenção os apps que você tem no seu celular. Algum GPS, com mapas online e cálculo de rota? Ou, se você não é muito adepto do volante, um aplicativo de transporte. E, muito provavelmente, um de delivery. Acertamos?

Pois bem, esses apps utilizam a definição de o que é geolocalização. Localizar pessoas, veículos e produtos tornou-se muito mais simples e rápido com a geolocalização. Mas a grande questão é: Você sabe realmente o que é geolocalização?

E mais, como essa tecnologia funciona na prática e qual a real importância dela na rotina de uma empresa?

Não? Então, este artigo foi feito para você, além das questões acima, também mostramos alguns exemplos de aplicação da geolocalização por grandes empresas do mercado.

Vamos lá?

O que é geolocalização?

Bom, o termo geolocalização surgiu com o objetivo de auxiliar em tempos de guerra, ou seja, sua aplicação tem início no ambiente militar. O que faz total sentido, certo? Imagine um piloto da FAB que não sabe o que é geolocalização? Completamente inútil – e preocupante –  certo?

Com o tempo, essa tecnologia migrou para muitas áreas comerciais e, inclusive, pessoais. Muitas empresas que precisavam determinar o posicionamento de clientes, colaboradores e produtos notaram o quão mais eficiente era implantar um sistema de geolocalização.

A popularização desta tecnologia se deu estrategicamente devido ao enorme custo-benefício. Afinal, era uma das melhores ferramentas de otimização logística e com valores extremamente viáveis.

Mas, como um aparelho como o seu celular, ou até mesmo um chip, pode definir exatamente o ponto de localização de algo?

Como funciona um sistema de geolocalização?

como funciona a geolocalização

É muito comum empresas que saibam o que é geolocalização, mas, quando perguntadas sobre o funcionamento, ficam em dúvida. Bom, de forma muito simplista, um dos sistemas mais eficientes de geolocalização é realizado através de satélites que determinam a latitude e longitude de um ponto. E, em alguns casos, inclusive, a altitude.

Quando o conhecimento de o que é geolocalização ainda não existia, a percepção dessa funcionalidade foi detectada de acordo com a frequência das ondas de rádio de satélites russos, durante a Guerra Fria.

Mas, acredite, o conceito de o que é geolocalização demorou mais de 40 anos para se tornar parte da nossa rotina. As principais formas de geolocalização são:

  • Wi-fi: A distância é determinada de acordo com a intensidade do sinal, quanto mais longe, menos intenso e vice-versa;
  • GPS: três, ou quatro, satélites, presentes na órbita da Terra, fornecem as coordenadas (latitude e longitude) de um ponto do nosso planeta;
  • Radiofrequência: Como o nome sugere, essa forma de geolocalização é pautada na emissão de ondas de rádio e
  • AGPS: Também conhecido como GPS assistido. Esta é a evolução do GPS, além dos satélites também são usadas antenas de celulares na geolocalização.

Saiba mais: O que é geocodificação?

Ainda em dúvida sobre a funcionalidade da geolocalização? Então, vamos ver algumas aplicações práticas do conceito de o que é geolocalização.

Exemplos práticos de geolocalização

Como mencionamos acima, o conceito dessa ferramenta é aplicado frequentemente em atividades do nosso dia-a-dia. Para os amantes de tecnologia, os celulares possuem tantas aplicações de geolocalização que você não imagina.

Como, por exemplo, a sua contagem de passos, ou o ícone de previsão do tempo. Até mesmo sistemas de segurança utilizam a geolocalização caso o seu celular seja roubado ou perdido.

Resumidamente, nossos passos estão, literalmente, sendo acompanhados por todos os lados. Mas calma! A ideia aqui não é te assustar. Queremos apenas salientar que você conhece o que é geolocalização e já percebeu como ela é útil nas suas atividades diárias.

E, claro, ainda mais para empresas que precisam fazer o monitoramento de equipe externa, como entregadores, prestadores de serviços, etc. Veja abaixo alguns exemplos de geolocalização:

Em processos logísticos

Se você trabalha na área de logística, com certeza já sabe como funciona a geolocalização no dia-a-dia, certo? Afinal, é uma das tecnologias que mais transformou o setor nos últimos tempos.

É praticamente impossível imaginar um caminhão de cargas seguindo um mapa de papel, não é mesmo? Veja abaixo os três nichos que mais utilizam o conceito de o que é geolocalização:

  • Restaurantes – Ainda não é uma realidade nas pequenas e médias cidades. Mas restaurantes mais atualizados utilizam a geolocalização no seu serviço de delivery. Desta forma, o cliente pode acompanhar onde está o entregador e qual o tempo até ele chegar ao destino.
  • Veículos – Você, em algum momento, já deve ter solicitado um veículo por app, certo? O sistema destes aplicativos é baseado completamente no conceito de o que é geolocalização. Afinal, através desta tecnologia ele consegue determinar onde está o usuário, tempo do trajeto, destino e, em alguns casos, condições do trânsito.
  • Monitoramento de cargas – A geolocalização é fundamental para que as empresas possam fazer o monitoramento de frotas e cargas em tempo real.

Não deixe de ler: Entenda como desenvolver aplicativo com geolocalização.

Marketing

Você já notou que, quando logado na sua conta do Google, assim que busca por um hotel, restaurante, ou qualquer outro local, só aparecem opções próximas? Como o Google saberia onde você está?

Porque ele aplica a geolocalização para sugerir as melhores opções para seus usuários. O mesmo ocorre em campanhas de marketing. As empresas quando preenchem as definições de campanha, identificam de onde é o seu público-alvo. Esse processo é extremamente vantajoso, principalmente quando estamos falando de campanhas de custo por clique.

Resumidamente, as empresas pagam um certo valor por cada clique realizado no link da campanha. Se o seu público-alvo, por exemplo, é da região sul e sudeste, mas clientes do centro-oeste recebem e acessam esse link é um custo perdido, correto?

As empresas que sabem o que é geolocalização não passam por esse problema. Elas determinam o nicho para o qual aquela publicação será entregue e utilizam a localização de seus clientes como norte. Incrível, não?

Saiba mais: Marketing B2C – como usar a geolocalização para atrair mais clientes.

Vantagens da Geolocalização

Além de benefícios rotineiros como solicitar um carro, ou jogar um jogo de simulação, o conceito de o que é geolocalização é uma estratégia indispensável no comércio. Afinal, estamos em um processo intenso de digitalização e compras virtuais. E, em conjunto, o cliente está cada vez mais atualizado e informado.

Para acompanhá-lo precisamos fornecer atualizações em relação à compra e entrega de produtos em tempo real. O conceito de o que é geolocalização veio, sem dúvidas, para revolucionar o relacionamento fornecedor/empresa/cliente. E você não pode ficar atrás, certo?

Veja abaixo algumas das principais vantagens de se implantar um sistema de geolocalização na sua empresa:

  • Monitoramento eficiente de veículos e cargas;
  • Localização em tempo real;
  • Fornecimento atualizado de informações para clientes e parceiros;
  • Detecção de locais de falhas e gargalos logísticos no transporte;
  • Planejamento de rotas de entrega, com condições e informações atualizadas;
  • Dentre outras.

Para manter suas estratégias atualizadas e integradas com sistemas de otimização logística você precisa ter um software como a Maplink. Não sabe exatamente como atuamos? Então conheça um pouco das nossas funcionalidades logo abaixo:

Maplink

Desenvolvemos soluções que permitem utilizar a inteligência da geolocalização para melhorar a integração entres os canais online e offline, por meio da integração do seu sistema com a API do Google Maps. Mas quais são os benefícios disso na prática?

  • Aumento da eficiência nos atendimentos, reduzindo o tempo de resposta e facilitando o acesso ao histórico de cada cliente;
  • Maior agilidade e melhora na comunicação entre cliente e empresa, garantindo uma experiência de compra muito mais positiva para o consumidor;
  • Maior agilidade no fluxo de trabalho, uma vez que o sistema passa a ser alimentado automaticamente e em tempo real;
  • Redução de custos por meio da automatização de atividades, eliminação do uso de papel e otimização dos deslocamentos ao agrupar trabalhos geograficamente próximos;
  • Acesso a dados atualizados, que facilitam o acompanhamento de métricas e indicadores que garantem a satisfação dos clientes;
  • Melhora na rentabilidade, devido ao aumento da produtividade da equipe.

Apoiamos empresas que são protagonistas e referências nos mercados em que atuam, como: Mercado Livre, Decolar.com, Gol Linhas Aéreas, Nestlé e BRF.

Fale com um de nossos especialistas e conheça as melhores soluções!

Tags: No tags

Comments are closed.