Pin de localização no celular

O que é geocodificação? Veja a importância de encontrar e ser encontrado

Indiscutivelmente, as tecnologias de localização espacial promoveram uma verdadeira revolução na forma de pesquisar sobre um endereço ou a localidade de uma empresa. Já na área de logística, a geocodificação criou certas facilidades, que até então não existiam, e proporcionou uma transformação nos métodos de planejamento, organização e distribuição de mercadorias.

Quer entender melhor com essa tecnologia funciona, como as empresas podem se beneficiar dela e como implementá-la? Então, continue a leitura do post e não deixe de tomar nota das dicas que separamos nele. Vamos começar?

Afinal, o que é geocodificação?

Certamente, você já utilizou o Uber ou qualquer outro aplicativo de transporte pessoal, correto? Pois bem, de uma forma geral, aquele mapa com a localização do motorista, o tempo estimado de chegada, a sua posição atual e, depois, a roteirização automática até o destino final, só são possíveis, graças a uma tecnologia de geocodificação, que permite gerar coordenadas e apontar posições e endereços exatos e em tempo real.

Essa é apenas uma forma básica para exemplificar algo que já se faz presente em nossas rotinas, mas que muitas empresas se beneficiam do mesmo conceito para melhorarem suas operações. Tecnicamente, a geolocalização na logística identifica ou estima uma localização geográfica real de um objeto conectado à internet (celular, gps etc.) e gera as coordenadas, transmitindo a sua posição atual, praticamente, sem nenhuma margem de erro.

E, qual a importância da geolocalização na logística?

Basta pararmos para analisar o trabalho de um motorista de caminhão, há 20 ou 25 anos, para concluir uma entrega em uma região desconhecida. Certamente, o jeito mais prático era o velho “boca a boca”, perguntando às pessoas locais, comércios, postos e lojas. Enquanto isso, o prazo se aperta, o combustível se consome e os riscos para a carga podem aumentar também.

Mas nem é só para os motoristas que a geolocalização se torna uma ferramenta importante. Por exemplo, todo o planejamento de roteirização precisa ser minuciosamente definido, antes mesmo do caminhão deixar o armazém. Além disso, as equipes precisam monitorar, em tempo real, as entregas até o destino final. Tudo isso é facilitado graças aos sistemas de localização espacial e possibilita uma gestão muito mais ampla e estratégica para a empresa.

Na prática, quais as vantagens que a geolocalização na logística?

Planejamento e roteirização

Conforme já exemplificamos, a roteirização é um processo importante e totalmente estratégico dentro de uma cadeia de suprimentos. No Brasil, então, precisamos levar em consideração fatores primordiais para que uma entrega seja concluída com bom custo-benefício, total integridade e dentro do prazo estipulado.

Afinal, estamos falando de um país de dimensões continentais, com sérios problemas de segurança em diversas regiões, infraestrutura precária de estradas, pedágios abusivos e combustíveis cada vez mais caros, concorda? Neste cenário complexo e altamente custoso, cabe ao gestor conseguir estudar e avaliar as melhores alternativas para as suas operações.

Só que, hoje, esse trabalhado é facilitado e, em questão de segundos, pode-se gerar as informações necessárias para a tomada de decisão mais assertiva, usando sistemas e aplicativos com geolocalização. Portanto, indiscutivelmente, roteirizar bem é o primeiro grande benefício que a tecnologia proporciona às empresas de logística.

Monitoramento em tempo real

De nada adianta definir a melhor rota, se não conseguir monitorar a entrega de forma eficiente. Os sistemas de geocodificação possibilitam que o gestor acompanhe cada “passo” do motorista responsável e identifique, de imediato, qualquer alteração ou mudança não planejada.

Isso pesa para o lado da segurança da carga, do caminhão e do próprio condutor, em caso de furtos e roubos, ajuda a monitorar desvios de rotas, abastecimentos e pedágios que não estavam no planejamento original, além claro, de estimar previsões mais confiáveis e seguras para o cliente final.

Por fim, vale ressaltar que todas essas informações são imediatas e em tempo real. Ou seja, já se foi o tempo de ligar ou mandar mensagem para o motorista passar sua posição exata, pedir estimativas e passar “chutes” de horários e datas para o consumidor. Muito menos custos, dados mais exatos e uma comunicação muito mais profissional!

Redução de custos

Não há gestor de logística que não busque este objetivo. Afinal, qualquer que seja o tamanho da operação, sempre haverá custos e gastos envolvidos. Porém, mesmo que muitos desses sejam inevitáveis, controlá-los e conseguir alternativas mais econômicas é uma estratégia contínua para a empresa.

A geocodificação é fator primordial para conseguir isso. Vamos lá! Um sistema com essa tecnologia é uma das únicas ferramentas capazes de fazer todo o planejamento estratégico (roteirização) e compará-lo ao que foi realizado na prática (monitoramento). Ou seja, após a conclusão de uma entrega é possível gerar e visualizar, com detalhes, todos os gastos daquela operação e checar com as previsões planejadas. Dessa forma, o gestor consegue criar uma visão ampla e tomar as melhores decisões para as viagens seguintes.

Em geral, os sistemas contam com dashboards inteligentes para visualizar as informações, funcionalidades de gestão financeira, para incluir gastos com pedágios, abastecimentos, manutenção de frotas, consumo real, além de otimizar as taxas de uso de cada veículo. Resumindo, uma verdadeira mão na roda para a vida do gestor e suas equipes.

Como implementar a geocodificação na logística de sua empresa?

Hoje, empresas especializadas em tecnologia para gestão logística desenvolvem sistemas e aplicativos com funcionalidades de geolocalização. Apesar disso, é fundamental buscar referências de mercado e avaliar bem as soluções propostas, já que cada operação tem suas próprias especificidades e restrições particulares.

Por esse motivo, os sistemas precisam ser adaptáveis e flexíveis ao seu perfil e aos seus processos, da mesma forma que o fornecedor deve contar com uma estrutura e inteligência tecnológica suficiente para atender as necessidades da companhia.

Enfim, a geocodficação na logística vai além de uma simples tendência de mercado. É também uma das mais poderosas ferramentas estratégicas para a redução de custos, a otimização de processos, o aumento da produtividade e gerenciamento eficiente de qualquer empresa.

Portanto, se você busca por essas vantagens e deseja destacar sua marca no mercado, não deixe de conversar com um de nossos especialistas e conhecer a melhor solução de geolocalização que sua empresa precisa!

Tags: No tags

Comments are closed.