planejamento estratégico transporte de cargas

Como fazer planejamento estratégico de transporte de cargas?

O planejamento estratégico de transporte de cargas é fundamental para qualquer empreendimento, independentemente do ramo de atuação ou porte da empresa. Com ele é possível obter diversas vantagens, tais como:

Mas você sabe o que é e como realizar um planejamento estratégico para transporte de cargas de forma eficiente?

Para te ajudar nesta tarefa, preparamos este artigo com um passo a passo, para que você compreenda o que é planejamento estratégico e como utilizar essa ferramenta para alavancar a sua empresa no mercado.

Mas afinal, o que é planejamento estratégico de transporte de cargas?

Toda empresa precisa ter metas e objetivos. É justamente aí que entra o planejamento estratégico, como uma forma organizar e de dar direcionamento a suas ações. Em outras palavras, é a partir dele que se define onde se quer chegar e quais estratégias devem ser adotadas para atingir tais objetivos.

Logo, o planejamento estratégico de transporte de cargas envolve uma análise apurada do setor como um todo, de modo a definir quais são suas metas. Além disso, também é necessário que haja um constante monitoramento das ações implementadas, a fim de realizar intervenções pontuais, otimizando a operação.

Como fazer um planejamento estratégico de transporte de cargas de uma empresa

Agora que você já entendeu o que é planejamento estratégico de transporte de cargas, é hora de vermos quais são os passos necessários para o desenvolvimento desta estratégia.

1 – Análise criteriosa do setor

O primeiro passo de qualquer planejamento estratégico sempre deve ser uma análise criteriosa do setor como um todo, levantando as necessidades, além de identificar os gargalos e demais pontos que necessitam de melhorias.

Somente a partir dessa análise é que será possível definir um plano de ação, mudando o que precisa ser mudado e otimizando o que já vem dando certo.

Uma ótima forma de fazer essa análise é utilizando a matriz SWOT, que você pode ver com mais detalhes no vídeo abaixo:

2 – Definição de metas e objetivos

Após uma profunda análise do setor, você conseguirá identificar falhas e pontos de gargalo que prejudicam a produtividade e elevam os custos da empresa. Com esses dados em mãos você será capaz de definir objetivos para eliminar esses problemas e melhorar o desempenho do setor.

Esses objetivos servirão para guiar os próximos passos do planejamento, com a definição de metas que se aproximem cada vez mais dos objetivos definidos anteriormente.

É claro que essas definições irão variar de acordo com cada tipo de empresa, mas alguns exemplos de metas podem ser:

  • reduzir o tempo de entrega;
  • reduzir os custos de entrega;
  • aumentar o número de entregas em determinado período;
  • dentre tantos outros.

3 – Implementação

Com objetivos e metas definidos, o próximo passo é identificar o que precisa fazer para alcançá-los e então, implementar. É neste momento que você irá colocar em prática todas as medidas definidas, visando atingir as metas e objetivos estabelecidos. Para isso você pode desenvolver as mais diversas práticas, como:

4 – Monitoramento das ações implementadas

Nesta etapa você deve acompanhar os resultados das intervenções realizadas, por meio do monitoramento dos indicadores de desempenho (KPIs) mais importantes para o seu negócio. Alguns deles podem ser:

  • número de entregas realizadas em determinado período;
  • número de entregas realizadas dentro do prazo;
  • tempo médio de deslocamento;
  • dentre outros.

5 – Intervenções e reajustes 

A partir do constante monitoramento das ações implementadas, é possível que você identifique pontos que podem ser melhorados, eliminando falhas e otimizando a operação.

Vale ressaltar que este não é um ponto final no processo, uma vez que o planejamento estratégico de transporte de cargas pode ser revisto sempre que necessário, buscando novas metas e objetivos para um melhor desempenho. Ou seja, trata-se de um processo cíclico que está em constante aperfeiçoamento.

E aí? Ficou claro como realizar um planejamento estratégico no transporte de cargas?

Como você pode perceber, o planejamento estratégico do transporte de cargas é essencial para o sucesso de qualquer empreendimento. É justamente por isso que você precisa desenvolvê-lo em sua empresa o quanto antes, a fim de proporcionar as condições necessárias para o seu crescimento.

Mas se você está em busca de uma solução mais robusta para otimizar as operações de transporte de sua empresa, investindo em tecnologia para garantir segurança e produtividade nos serviços prestados, conte com a Maplink!

Somos a maior empresa de tecnologia em logística da América Latina. Desenvolvemos soluções que permitem utilizar a inteligência da geolocalização para melhorar a integração entres os canais online e offline, por meio da integração do seu sistema com a API do Google Maps. Mas como funciona na prática?

  • Permite ter visibilidade de todo o processo de transporte de cargas
  • Permite a otimização de rotas e controle de frotas
  • Possibilita a redução de custos e a automação de processos
  • Possibilita a criação de roteiros de visitas para equipes internas que vão a campo
  • E muitas outras possibilidades

Faça como grandes empresas que possuem operações logísticas de qualidade, e que são referência mundial como: BRF, Nestlé, Piracanjuba, Velocity, Habib’s, JBS, Máxima Sistemas. Agende agora mesmo uma conversa com um de nossos especialistas.

Gostou do artigo? Então compartilhe em suas redes sociais e ajude outras pessoas a entenderem como realizar um planejamento estratégico no transporte de cargas! Além disso, assine a nossa newsletter para acompanhar os melhores artigos do blog da Maplink.

Comments are closed.