Logística para e-commerce

Como funciona a logística no e-commerce? Entenda o que é necessário em um planejamento

A logística no e-commerce envolve atividades como transporte, armazenamento, recepção e distribuição de mercadorias. Elaborar um bom planejamento deste setor é fundamental para o bom desempenho e crescimento desse tipo de empresa.

A importância desse planejamento está no fato de que essas atividades têm impacto direto na satisfação do cliente, que espera receber um produto de qualidade, de acordo com suas expectativas e sem atrasos, problema que atinge 61% das lojas virtuais.

Garantir uma experiência de compra voltada para a satisfação dos clientes é um ponto fundamental para o comércio eletrônico, uma vez que, para 89% dos participantes de uma pesquisa, uma experiência positiva de compra online é tão importante quanto bons preços.

O planejamento da logística no e-commerce visa identificar e entender todas as variáveis envolvidas no transporte e armazenamento de mercadorias. Envolve também a busca de formas de controlar estas variáveis, de modo a otimizar cada vez mais o serviço prestado.

Compreender esses aspectos é essencial para entender como melhorar a logística de uma empresa.

Qual é o papel da logística no e-commerce?

Para um bom planejamento da logística para e-commerce é importante conhecer muito bem esse processo, sabendo quais são as etapas envolvidas, como monitorá-las e o que fazer para melhorar seu desempenho.

A logística no e-commerce pode ser entendida como parte importante do gerenciamento de uma loja virtual. Este setor tem como função planejar e controlar tudo o que se refere a armazenagem, expedição e entrega. Sua atuação é dividida em diferentes etapas:

  • Recebimento e conferência da mercadoria;
  • Armazenamento com a devida identificação;
  • Reposição de estoque;
  • Separação dos pedidos;
  • Preparação do produto (conferência, embalagem e etiquetagem);
  • Envio para a transportadora;
  • Rastreamento de pedidos enviados;
  • Controle de entrega.

Confira no vídeo abaixo uma explicação bem didática sobre o funcionamento da logística no e-commerce:

Como fazer um bom planejamento de logística para e-commerce?

Para o bom desempenho de qualquer negócio, além de conhecer as etapas envolvidas em cada processo, também é necessário planejar, monitorar e fazer as intervenções necessárias para obter as melhorias desejadas, e isso é um trabalho constante.

O planejamento da logística no e-commerce se dá em três níveis:

  • Estratégico: Onde são definidos os objetivos e metas do e-commerce, em geral, de longo prazo. É importante destacar que essas definições precisam estar de acordo com a realidade da empresa;
  • Tático: Neste nível, são definidas as ações necessárias para se alcançar os objetivos e metas definidos no nível estratégico. São divididas por setor e servem para orientar o nível operacional;
  • Operacional: É onde são implementadas as ações definidas no nível tático, que devem ser monitoradas a fim de gerar dados que possam ser analisados pelo nível estratégico, iniciando novamente o ciclo.

Confira agora alguns dos principais pontos que devem constar em seu planejamento:

Gestão de estoque

Um ponto muito importante a ser entendido sobre o e-commerce é que, diferentemente de uma loja física, ele funciona 24h por dia, 7 dias por semana. Por isso é importante sempre monitorar o nível de estoque, avaliar a demanda e saber o momento exato de fazer novos pedidos aos fornecedores.

Manter uma quantidade muito grande de produtos em estoque, além de aumentar os custos de armazenamento, também compromete o espaço do galpão que poderia ser ocupado por outras mercadorias. Além disso, ainda aumenta as chances de ocorrerem avarias nos produtos.

Por outro lado, trabalhar com quantidades muito pequenas pode trazer o risco de o e-commerce não conseguir atender a demanda, gerando a indisponibilidade de produtos, o que faz perder vendas e prejudica a imagem da empresa.

Dentre os benefícios de uma boa gestão de estoque estão:

  • Redução de custos de armazenamento;
  • Otimização do uso do espaço do armazém;
  • Evita que produtos fiquem indisponíveis;

Uma possibilidade de otimizar a gestão de estoque é fazer uso de um sistema de gerenciamento de armazém (WMS). Esse sistema se integra a cadeia de suprimentos e tem como objetivo gerenciar e automatizar todos os processos logísticos que ocorre em um armazém.

Gestão de transporte

A gestão de transporte merece uma atenção especial no planejamento da logística para e-commerce, uma vez que essa é a etapa responsável pelos maiores custos do setor.

Além disso, ainda este setor ainda tem uma participação muito importante para que as entregas ocorram dentro do prazo e em boas condições, fatores de grande peso para a satisfação do cliente.

Seja para levar produtos de um centro de distribuição para uma loja física ou diretamente para o consumidor final, esse transporte precisa ser feito com a máxima qualidade.

Para isso é necessário antecipar quaisquer problemas que possam ocorrer no caminho, garantindo a integridade do produto e o cumprimento do prazo de entrega em seu destino final.

Fazem parte desta etapa do planejamento atividades como:

Vale destacar que fazer uso de um sistema de gerenciamento de transporte (TMS) pode contribuir muito nesta etapa. Este software permite controlar toda a operação de forma integrada, com a finalidade de proporcionar melhorias na qualidade e produtividade de todo o processo de distribuição.

Gestão de custos logísticos

A gestão de custos logísticos se refere ao gerenciamento de todos os gastos necessários para manter o funcionamento de um empreendimento.

Essas despesas exercem grande impacto sobre o faturamento de qualquer empresa, chegando a consumir cerca de 12,37% de sua receita.

Daí a importância de todo e-commerce fazer o monitoramento e estudo destes custos, a fim de desenvolver estratégias voltadas para sua redução, sem prejudicar a qualidade do serviço prestado.

Dentre os principais benefícios que uma boa gestão de custos logísticos pode proporcionar a um e-commerce estão:

  • Redução de custos;
  • Aumento da lucratividade;
  • Maior produtividade;
  • Possibilidade de investimento em outros setores;
  • Maior competitividade em relação aos concorrentes.

Monitoramento de indicadores de desempenho

O monitoramento de indicadores de desempenho logístico é fundamental para melhorar a performance da logística no e-commerce. Também conhecidos como KPIs, são eles que irão te ajudar a acompanhar e avaliar os resultados de seu planejamento.

Com essas métricas é possível medir e avaliar, de forma objetiva, o desempenho dos processos mais importantes na logística de uma empresa. Essa análise permite identificar os pontos que necessitam de melhorias, possibilitando intervenções pontuais, diretamente na origem do problema.

Alguns dos KPIs mais importantes a serem acompanhados em um e-commerce são:

  • Taxa de conversão;
  • Ticket médio;
  • Taxa de abandono de carrinho;
  • Custo de aquisição de cliente;
  • Retorno sobre o investimento;
  • Número de visitantes no site;
  • Número de vendas.

Precisa de ajuda para o planejamento de sua logística para e-commerce?

Um bom planejamento é capaz de proporcionar grandes melhorias nas diversas atividades desenvolvidas por um e-commerce, evitando problemas como atrasos nas entregas, custos adicionais e perda de clientes.

Frente às peculiaridades da logística para e-commerce, é sempre bom poder contar com um suporte especializado, capaz de auxiliar no planejamento de pontos como esse e tantos outros.

Maplink, por exemplo, desenvolve soluções que permitem utilizar a inteligência da geolocalização para melhorar a integração entres os canais online e offline, por meio da integração do seu sistema com a API do Google Maps. Mas como funciona na prática?

  • Permite que o usuário faça compras online e retire em loja física, ou vice-versa;
  • Permite expedir pedidos de forma automatizada;
  • Possibilita controlar a entrega em tempo real, levando em conta as características da sua empresa;
  • Possibilita a criação de roteiros de visitas para equipes internas que vão a campo;
  • E muitas outras possibilidades!

Se interessou? Entre em contato com um de nossos especialistas e descubra como podemos ajudar o seu negócio a atingir o nível de grandes empresas como BRF, Nestlé, Ambev e mais!

Gostou do artigo? Compartilhe nas suas redes sociais e ajude outras pessoas a entenderem como funciona a logística no e-commerce! Além disso, assine a nossa newsletter para acompanhar os melhores artigos do blog da Maplink.

Comments are closed.