Por que se preocupar com gerenciamento de risco na logística?

Todo e qualquer negócio está exposto a algum nível de risco. Ainda mais no Brasil, onde a infraestrutura logística deixa a desejar e aumenta os desafios das transportadoras, o gerenciamento de risco na cadeia logística é essencial para evitar impactos negativos.

A gestão de riscos na logística envolve diversas variáveis e objetivos que têm como principal função a de preservar a segurança da empresa como um todo. Saiba em detalhes o que é e como funciona um bom investimento no gerenciamento de logístico de transportes!

O que é gerenciamento de risco na logística?

O gerenciamento de riscos na logística e nos transportes inclui estratégias para mitigar ao máximo a ocorrência de impactos negativos no setor.

Ou seja, o seu principal objetivo é identificar, avaliar, monitorar e minimizar os potenciais riscos que o processo logístico envolve, ao levar em conta desde o armazenamento até a entrega das cargas.

Os cenários dos riscos variam conforme a sua natureza e podem ser de alta ou baixa probabilidade, além de ter um alto ou baixo impacto. Entre os riscos mais graves, estão os acidentes rodoviários e o transporte de cargas perigosas. Ou, então, riscos de menor escala, como atrasos nas entregas de mercadorias e multas.

Enquanto o primeiro coloca em risco a vida dos colaboradores, o segundo pode afetar a imagem da empresa. Mas é importante salientar que o impacto varia segundo a preparação para aquele tipo de risco e quais são as ações de prevenção implementadas.

Confira exemplos de riscos logísticos

  • Acidentes e imprevistos nas estradas;
  • Roubo de cargas e fraudes;
  • Extravios e avarias de mercadorias,
  • Multas e penalidades;
  • Problemas com sobrecargas;
  • Armazenamento incorreto;
  • Atrasos nas entregas;
  • Transporte de cargas perigosas;
  • Comportamentos inadequados
  • Frotas sem manutenção.

Por que se preocupar com o gerenciamento de riscos?

Existem inúmeros motivos pelos quais se preocupar na hora de fazer a gestão de riscos na cadeia logística de seu negócio. Em primeiro lugar, devemos sempre considerar os riscos referentes à vida humana.

Garantir a segurança dos colaboradores é o primeiro passo para uma gestão de riscos responsável. Em segundo plano, o controle dos riscos logísticos permite também aumentar os resultados financeiros e melhorar a imagem da empresa diante dos clientes.

Em geral, esses são os principais benefícios de um eficiente gerenciamento de riscos na logística:

  • Preservação da segurança dos colaboradores;
  • Fortalecimento da tomada de decisões;
  • Eliminação do fator surpresa ao se “preparar para o pior”;
  • Maior estabilidade para o negócio;
  • Prevenção de prejuízos financeiros;
  • Melhoria da imagem da empresa.

Transporte de cargas perigosas

Se tem um setor que exige o máximo de cuidado possível, então este certamente é o transporte de cargas perigosas. Uma carga é considerada perigosa para a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) quando representa riscos para a saúde de pessoas, para a segurança pública ou para o meio ambiente.

Por exemplo, as cargas de produtos químicos possuem alto grau de periculosidade. E fatores como negligência, imperícia e imprudência podem ser cruciais quando estamos lidando com esses tipos de transporte.

Saiba mais: O que é gerenciamento de risco no transporte de cargas perigosas?

Dicas para otimizar o seu gerenciamento de riscos na logística

O ideal é seguir alguns passos e se atentar aos detalhes para otimizar o gerenciamento de riscos na cadeia logística de sua empresa. Confira algumas dicas sobre como planejar uma boa gestão de transportes!

Escolha a melhor rota

O planejamento da rota tem um grande impacto na gestão dos riscos logísticos. Mas por meio de uma boa roteirização de transportes, é possível analisar as estradas que não são indicadas, os trechos que não comportam os veículos selecionados e as áreas que ocorrem mais acidentes.

Assim, a sua empresa evita ao máximo alguns dos maiores riscos que possam envolver acidentes, colocar a vida de pessoas em risco ou causar atrasos nas entregas.

gestão de riscos na cadeia logística

Rastreie cargas e transportes

O sistema de monitoramento de frotas torna possível acompanhar os veículos utilizados na distribuição e entregas de cargas em tempo real. É uma excelente forma não apenas de mitigar possíveis riscos envolvidos no trajeto, como também fornecer informações de localização para os clientes.

Leia mais: Como funciona o sistema de rastreamento veicular?

Mitigue os riscos de erros humanos

Se nem o super homem está a salvo de cometer alguns erros, é preciso levar em consideração também o fator humano na hora de diminuir os riscos da logística.

Orientações para os motoristas sobre cuidados na direção, falta de atenção, uso de celular, excesso de velocidade, freadas bruscas e outras ações imprudentes deve sempre fazer parte da cultura da empresa.

As falhas humanas podem ter consequências desastrosas dependendo da situação. Para evitar os erros humanos, é preciso compreendê-los e fazer um excelente gerenciamento de riscos na logística com base em um bom treinamento para que os colaboradores trabalhem sempre de forma preventiva e segura.

Aliás, cabe também à própria empresa planejar as viagens para que o condutor não passe horas em excesso atrás do volante, conforme Lei do Motorista, 13.103/2015, que estabelece normas para disciplinar a jornada de trabalho deste profissional e os tempos de parada.

Faça a manutenção de frota

Defeito nos veículos são uma das maiores causas de acidentes nas pistas. Em 2018 foram 1.723 desta natureza, envolvendo mais de 3 mil pessoas. Acidentes às vezes são imprevisíveis, mas cabe às empresas minimizarem as probabilidades de acontecerem.

É por isso que até mesmo a manutenção de frotas pode contribuir para um bom gerenciamento de risco na cadeia logística. A manutenção inclui fatores como: verificação de peças, agendamento e histórico de revisões, categorização de veículos por ordem de prioridade, entre outros.

Leia também: 4 dicas de como fazer manutenção de frotas

A Maplink pode ajudar no gerenciamento de risco da logística de sua empresa

A Maplink, junto com o seu time de TI ou desenvolvimento, oferece uma plataforma de APIs que integram com os sistemas da sua empresa, usando a tecnologia para otimizar as operações, garantindo informações estratégicas e a redução de custos operacionais.

Somos a maior empresa de tecnologia de geolocalização da América Latina, com 20 anos de experiência na área!

Desenvolvemos soluções que permitem utilizar a inteligência da geolocalização para melhorar a integração entres os canais online e offline, por meio da integração do seu sistema com a API do Google Maps. Mas quais são os benefícios disso na prática?

  • Aumento da eficiência nos atendimentos, reduzindo o tempo de resposta e facilitando o acesso ao histórico de cada cliente;
  • Agilidade e melhora na comunicação entre cliente e empresa, garantindo uma experiência de compra muito mais positiva para o consumidor;
  • Mais agilidade no fluxo de trabalho, uma vez que o sistema passa a ser alimentado automaticamente e em tempo real;
  • Redução de custos por meio da automatização de atividades, eliminação do uso de papel e otimização dos deslocamentos ao agrupar trabalhos geograficamente próximos;
  • Acesso a dados atualizados, que facilitam o acompanhamento de métricas e indicadores que garantem a satisfação dos clientes;
  • Melhora na rentabilidade, devido ao aumento da produtividade da equipe.

Apoiamos empresas que são protagonistas e referências nos mercados em que atuam, como: Mercado Livre, JSL, Sem Parar, Nestlé e BRF. Agende agora mesmo uma conversa com um de nossos especialistas.

Newsletter
Últimos Posts

Saiba mais sobre os recursos ODRD do Google Maps Platform

Na era da Economia Compartilhada, novos serviços de transporte, como solicitação de carona, compartilhamento de carona e plataformas de...

Artigos Relacionados