dicas de segurança na logística

Como garantir a segurança na logística? 5 principais dicas

Não há como negar: os processos logísticos podem ser muito perigosos em relação à segurança do trabalho. São diversos riscos envolvidos em todas as etapas, desde a própria armazenagem ao transporte das cargas em si. Por isso, seguir algumas dicas de segurança na logística é essencial para evitar acidentes.

Em 2019, só no Brasil foram registrados 67.427 acidentes rodoviários, dos quais 55.756 tiveram vítimas (feridos ou mortos), de acordo com relatório da Confederação Nacional do Trânsito (CNT).

Portanto, é importante considerar as dicas de segurança na cadeia logística, em especial como a roteirização pode ajudar a melhorar o gerenciamento de riscos!

Principais dicas de segurança na logística

A cadeia logística é composta por diversas etapas, sendo que cada uma delas possui seus riscos específicos. Nos armazéns, por exemplo, deve-se ter atenção ao uso de equipamentos obrigatórios (EPIs), sinalizações e conscientização dos colaboradores.

Já nas estradas, os motoristas e as frotas merecem atenção especial. Além, é claro, da escolha das próprias rotas que pode garantir maior segurança durante os transportes.

De forma geral, a segurança em qualquer processo logístico deve ser otimizada pelo bem dos colaboradores, da empresa e de terceiros que possam estar envolvidos nos riscos.

Dicas de segurança na logística:

  • Cultura de Segurança no Trabalho;
  • Mapa dos setores e processos de risco;
  • Treino e capacitação da equipe;
  • Revisão e manutenção preventiva;
  • Roteirização de transportes.

Entenda em detalhes as principais dicas de segurança na logística!

1. Implementar uma Cultura de Segurança no Trabalho

A Cultura de Segurança de Trabalho é a base para reduzir o número de acidentes em qualquer empresa com um alto nível de riscos. Na logística, essa realidade não é diferente!

É preciso criar uma mentalidade que começa desde cima, com os líderes e gestores das empresas servindo de exemplo para os colaboradores.

A Cultura de Segurança leva em consideração os seguintes fatores:

  • Melhoria constante dos processos de Segurança no Trabalho;
  • Adequação às leis e normas vigentes;
  • Ações para a prevenção;00
  • Aprendizagem organizacional.
  • Treinamentos internos;
  • Comunicação eficiente;
  • Transparência e confiança.

A gestão de segurança no trabalho na logística começa na mudança da cultura empresarial. A partir disso, é possível definir a estrutura, as iniciativas e as ferramentas específicas que serão determinantes para a prevenção de acidentes.

2. Mapear os setores e processos de risco

A segunda dica de segurança na logística é mapear os setores para averiguar os diferentes cuidados necessários de acordo com os riscos. Deve haver um planejamento para compreender quais ações serão necessárias.

Por exemplo, se estamos falando de segurança na logística dos transporte, então são os riscos relacionados aos motoristas e aos veículos que devem ser levados em conta.

dicas de segurança no transporte logístico

Já em centros de distribuição, o compromisso deve ser com as áreas de riscos, conscientização da equipe, revisão de equipamentos e assim por diante.

3. Treinar e capacitar toda a equipe – Dicas de segurança na logística

Um estudo realizado pela MDS Consultores de Seguros e Riscos entre novembro de 2012 e outubro de 2013 descobriu que 67% dos acidentes no transporte de cargas são por falha humana. Os dados incluem acidentes durante a rota, operações com as cargas e entre outros processos logísticos.

É por meio do treinamento e da capacitação dos colaboradores que é possível reduzir os acidentes por falha humana.

Para a segurança dos motoristas de caminhões, por exemplo, é fundamental se atentar à jornada de trabalho. Além, é claro, é obrigatório orientá-los sobre os cuidados na direção, como a falta de atenção na estrada, o uso de celular enquanto dirigem, o excesso de velocidade, as freadas bruscas e ademais comportamentos irresponsáveis.

Ainda neste sentido, não há como falar em dicas de segurança na logística sem mencionar o transporte de cargas perigosas. Elas representam grandes riscos para a saúde de pessoas, para a segurança pública e para o meio ambiente.

4. Investir na revisão e manutenção preventiva

Quando não é erro humano que causa os acidentes, são os veículos ou equipamentos com problemas que podem trazer consequências e resultar em acidentes. Como o velho ditado diz, o barato pode sair caro.

Investir na manutenção preventiva é essencial e os custos são menores do que os gastos com acidentes em si, que podem ser responsabilidade da empresa.

Na manutenção das frotas, deve-se dar atenção para as especificações de cada veículo e outros detalhes. Por isso, aplicativos de gestão de frotas são muito bem-vindos para a segurança na logística, mostrando quais veículos estão aptos para transportes e quais precisam de manutenção.

Já os equipamentos de armazém e centros de distribuição também devem passar por revisões periódicas. O uso frequente de empilhadeiras, por exemplo, uma hora ou outra vai levar ao seu desgaste.

dicas de segurança armazém logística

Aliás, ainda na questão da cultura de segurança no trabalho, é preciso sempre deixar claro que os colaboradores devem comunicar aos superiores quando há mau funcionamento de alguma máquina ou ferramenta.

5. Acompanhar as rotas e fazer roteirização

Por fim, uma das melhores dicas de segurança na logística que podemos mencionar é a utilização de softwares para roteirização. Ter controle do planejamento de por onde e quando os veículos irão circular permite reduzir os riscos relacionados ao transporte.

Os roteirizadores podem, por exemplo:

  • Evitar estradas onde há grande incidência de acidentes ou roubo de cargas;
  • Verificar as condições das vias (tráfego, clima, reformas etc.);
  • Definir o cronograma e a jornada de trabalho dos motoristas;
  • Monitorar os transportes em tempo real para evitar o uso indevido de veículos e oferecer mais segurança.

Saiba mais: Descubra o que faz um roteirizador e as principais vantagens

Além de oferecer mais segurança na logística e gestão de riscos, a roteirização traz diversos benefícios para as empresas, como:

  • Cumprimento das regulamentações e leis municipais, estaduais e federais;
  • Facilitação da comunicação com clientes e gestão de fornecedores;
  • Cumprimento de políticas de segurança internas da empresa;
  • Possível crescimento no faturamento;
  • Acréscimo de valor e diferenciais para sua companhia;
  • Sistematização das operações e processos da empresa.

A Maplink pode ajudar com a segurança na logística da sua empresa

A Maplink, junto com o seu time de TI ou desenvolvimento, oferece uma plataforma de APIs que integram com os sistemas da sua empresa, usando a tecnologia para otimizar as operações, garantindo informações estratégicas e a redução de custos operacionais.

Somos a maior empresa de tecnologia de geolocalização da América Latina, com 20 anos de experiência na área!

Desenvolvemos soluções que permitem utilizar a inteligência da geolocalização para melhorar a integração entres os canais online e offline, por meio da integração do seu sistema com a API do Google Maps. Mas quais são os benefícios disso na prática?

  • Aumento da eficiência nos atendimentos, reduzindo o tempo de resposta e facilitando o acesso ao histórico de cada cliente;
  • Agilidade e melhora na comunicação entre cliente e empresa, garantindo uma experiência de compra muito mais positiva para o consumidor;
  • Mais agilidade no fluxo de trabalho, uma vez que o sistema passa a ser alimentado automaticamente e em tempo real;
  • Redução de custos por meio da automatização de atividades, eliminação do uso de papel e otimização dos deslocamentos ao agrupar trabalhos geograficamente próximos;
  • Acesso a dados atualizados, que facilitam o acompanhamento de métricas e indicadores que garantem a satisfação dos clientes;
  • Melhora na rentabilidade, devido ao aumento da produtividade da equipe.

Apoiamos empresas que são protagonistas e referências nos mercados em que atuam, como: Mercado Livre, JSL, Sem Parar, Nestlé e BRF. Agende agora mesmo uma conversa com um de nossos especialistas.

Comments are closed.