quarta-feira, agosto 10, 2022

7 dicas para reduzir custos logísticos na sua empresa

Saber como reduzir custos logísticos na empresa é o grande objetivo de muitos gestores. No entanto, essa nem sempre é uma tarefa fácil.

A logística está diretamente relacionada à qualidade dos serviços realizados em uma empresa e, consequentemente, à satisfação dos consumidores,  que é peça chave para o sucesso de qualquer empreendimento. 

Logo, reduzir custos logísticos sem perder a qualidade dos produtos ou serviços é um desafio e tanto!

Se você está nesta posição atualmente, veio ao lugar certo, pois neste artigo vamos dar algumas dicas de como reduzir custos logísticos na empresa e  te ajudar a superar esse desafio.

7 dicas para reduzir os custos logísticos na sua empresa

Confira abaixo 7 dicas de como reduzir custos logísticos e promova as mudanças necessárias para que sua empresa alcance maior rentabilidade.

1 – Implemente um processo de roteirização eficiente

O transporte é um dos responsáveis pela maior parte dos custos logísticos em uma empresa e uma das formas mais eficaz de reduzir esses custos é realizar uma roteirização de cargas mais eficiente.

A roteirização de cargas tem como objetivo selecionar o melhor trajeto possível, otimizando o tempo e os custos relacionados à operação de transporte

Essa prática pode gerar diversos benefícios para qualquer empresa, alguns deles são:

  • redução de custos logísticos;
  • melhor aproveitamento da frota;
  • maior número de entregas em menos tempo;
  • maior qualidade do serviço;
  • diminuição do desgaste dos veículos;
  • e muito mais.

Com um bom planejamento, que leve em conta todas as variáveis envolvidas no processo de transporte de cargas, é possível não apenas reduzir custos de transporte como também melhorar a qualidade do serviço prestado.

2 – Programe manutenções periódicas para as frotas

A manutenção periódica dos veículos é essencial para uma operação de transporte, pois estamos lidando com a principal ferramenta de trabalho.

Um caminhão parado, com problemas mecânicos, é sinônimo de prejuízo para a empresa, assim como a falta de manutenção também pode gerar riscos tanto para o motorista, e demais motoristas na estrada, quanto para a carga transportada.

Assim, é importante manter um calendário de manutenções programadas, a fim de assegurar o bom funcionamento dos veículos. 

Para isso, saber como controlar a manutenção da frota é fundamental. Este é um procedimento extremamente importante, que não pode ser negligenciado, uma vez que ajuda a identificar e antecipar problemas mecânicos, possibilitando a correção antes que gerem custos ainda maiores.

3 – Invista em tecnologia para a automatização de processos

Toda empresa possui uma série de rotinas burocráticas e que, geralmente, são feitas manualmente, tomando muito tempo da equipe e aumentando os riscos de erro humano.

Por exemplo, fazer manualmente o cálculo de pedágio é uma atividade que pode consumir muito tempo da equipe, principalmente se a operação conta com diversos veículos e que passam por rotas distintas. 

Uma forma de facilitar o cálculo de pedágio, ou outros cálculos de transporte como Frete Mínimo, é utilizar uma API de geolocalização integrada ao sistema que possibilite a automação dessas e de outras atividades, como também roteirização.

As APIs são ótimas tecnologias para tornar seu sistema, ou aplicativo, ainda mais eficiente, automatizando diferentes processos.

4 – Invista na capacitação de sua equipe

Não é nenhum segredo que quanto mais capacitada for uma equipe, mais eficiente será sua atuação. 

Quando os funcionários sabem exatamente o que fazer, quando fazer e como fazer, a qualidade do trabalho desenvolvido aumenta, reduzindo o risco de erros que geram custos desnecessários para a empresa.

Portanto, investir na capacitação de seus funcionários é uma ótima maneira de reduzir custos logísticos e aumentar a qualidade dos produtos/serviços oferecidos pela sua empresa.

5 – Redução do estoque ou modelo de gestão Just in Time

É praticamente impossível falar em redução de custos sem falar em logística Just in Time. Trata-se de um método de gestão no qual cada ação deve ser realizada “na hora certa”, ou seja, atividades como compra, transporte e produção ocorrem de acordo com a demanda.

Esse modelo de gestão tem como focos a qualidade da operação, redução de desperdícios e redução ou até mesmo eliminação do estoque, uma vez que mercadorias paradas não geram lucro, mas sim custos de armazenamento.

Para isso, é necessário alto grau de comprometimento de todos os agentes envolvidos para que haja sincronia em todo o processo. Assim, é possível o funcionamento de uma empresa ou e-commerce sem estoque, gerando economia nos custos de armazenamento.

6 – Monitore os principais indicadores de desempenho logístico 

O monitoramento de indicadores de desempenho logístico (KPIs) relevantes para a sua empresa é fundamental para avaliar o desempenho do seu negócio. O acompanhamento constante dessas métricas possibilita identificar pontos de gargalo, realizar intervenções e otimizar processos, gerando a redução de custos logísticos.

A escolha dos KPIs a serem monitorados dependerá da estratégia e objetivos de cada empresa, mas você, basicamente, precisa identificar quais são as métricas mais importantes para o funcionamento do seu negócio.

A partir dos resultados dessas análises é possível realizar intervenções, visando as melhorias necessárias para gerar a redução dos custos desejados.

7 – Defina metas e objetivos claros e realistas

Por meio do monitoramento de KPIs é possível identificar falhas que prejudicam a produtividade e elevam os custos logísticos da empresa. Uma vez identificados, você poderá definir quais são os objetivos a serem atingidos para reduzir tais custos e melhorar o desempenho do setor.

Além disso, com objetivos e metas bem consistentes, é possível elaborar um planejamento logístico muito mais eficiente, pautado na realidade de cada empresa.

Confira no vídeo abaixo algumas dicas para não errar ao reduzir custos logísticos na sua empresa:

Há muitas estratégias que podem ser implementadas quando o assunto é reduzir custos logísticos na empresa. Aqui apresentamos apenas algumas delas que certamente poderão te ajudar a dar os primeiros passos para reduzir os custos e aumentar a rentabilidade de sua empresa.

Newsletter
Últimos Posts

Maplink é premiada no Ranking Melhores Empresas para Trabalhar 2022

A Maplink foi premiada, pela primeira vez, no Ranking Melhores Empresas para Trabalhar GPTW – Pequenas Empresas 2022, conquistando...

Artigos Relacionados