como funciona google cloud platform

Como funciona o Google Cloud Platform? Confira com exemplos!

Confira tudo que você precisa saber sobre como funciona o Google Cloud Platform em um único lugar!

A computação em nuvem é um dos primeiros recursos que você deve dar atenção na transformação digital do seu negócio, mesmo que a sua empresa no início de sua jornada ou já no caminho certo.

Hoje em dia, já é esperado que todas as empresas contem com as soluções oferecidas pela computação em nuvem, que incluem inúmeras ferramentas, produtos e serviços como o armazenamento de dados em servidores remotos para tornar os sistemas mais práticos e flexíveis.

Por causa da pandemia de coronavírus e o home office na quarentena, o mercado global de computação em nuvem cresceu quase 50% em 2020 e movimentou cerca de US$ 64,3 bilhões, de acordo com dados de levantamento do Gartner, líder em pesquisa para empresas.

“Os fornecedores de grande escala continuam a construir ambientes de nuvem distribuída e com soluções de ponta que estendem o alcance da Cloud Pública em estruturas privadas e locais, atendendo assim às necessidades das organizações relacionadas à soberania de dados, portabilidade de carga de trabalho e latência de rede”, ressaltou Sid Nag, vice-presidente da Gartner.

Portanto, é quase que obrigatório usar as soluções em nuvem para ver um negócio se desenvolver e evoluir no mercado. E um dos líderes do mercado de computação em nuvem não poderia ser outro senão a poderosa Google, com a sua Cloud Platform!

Mas o que é o Google Cloud Platform?

Em linha gerais, a definição de Google Cloud Platform pode ser resumida como uma série de ferramentas de computação em nuvem oferecidas pelo Google, com infraestruturas completas que possuem diversas funcionalidades.

São mais de 100 aplicações, produtos e serviços para empresas em fase de transformação digital e que precisam de um gerenciamento eficiente com total segurança digital.

São dois artigos que recomendamos a leitura para quem tem cada vez mais interesse em entender a computação em nuvem.

A seguir, aprofunde-se ainda mais no assunto para saber como funciona o Google Cloud Platform!

Como funciona o Google Cloud Platform?

Quando falamos em Google Cloud Platform, precisamos esclarecer como funciona a computação em nuvem em si para compreender todas suas vantagens e diferenciais.

Com o conjunto de ferramentas fornecidas pelo Google Cloud Platform, você pode criar projetos, testar e lançar novos aplicativos com maior segurança e escalabilidade, uma vez que a plataforma tem uma impressionante infraestrutura que supera a de seus concorrentes.

Ou seja, o cloud computing (computação em nuvem) é uma estrutura online que permite a contração de serviços de de tecnologia via internet. Podem ser servidores, sistemas de gestão, armazenamento, banco de dados, entre tantos outros.

São servidores sempre disponíveis online, 24 horas por dia e 7 dias por semana, para que você possa utilizar o que for necessário em sua empresa a qualquer momento e de qualquer lugar que estiver.

Isso significa que, por exemplo, seus arquivos e dados podem ser acessados, alterados e desenvolvidos por meio de quaisquer dispositivos com acesso à internet, com total consistência, segurança e integridade.

No caso do Google Cloud Platform, a plataforma funciona com a utilização de um código aberto, várias nuvens, públicas, privadas e híbridas, para que seu negócio não dependa de somente um fornecedor. São soluções indispensáveis para empresas crescerem com rapidez e se modernizarem em tempo real, acompanhando a evolução do mercado.

Para exemplificar melhor, veja o depoimento abaixo de uma cliente do Google Cloud Platform que utilizou a ferramenta de machine learning para acelerar seus resultados!

“Se não tivéssemos adotado uma abordagem de machine learning, em vez de três meses, levaríamos três anos para analisar 1.700 amostras de tecido, mesmo com uma equipe de patologistas dedicada. Além disso, estamos alcançando resultados melhores com mais consistência e qualidade.”Mia M. Gaudet, PhD, diretora científica de Pesquisa Epidemiológica, American Cancer Society.

Com tantos recursos avançados de análise, o Google Cloud Platform facilita tomar decisões inteligentes, automatizar processos e simplificar o gerenciamento de operações que muitas vezes geram diversas dores de cabeça nos gestores.

E uma das maiores vantagens do Google Cloud é a de contar com um sistema de segurança avançado, com alto nível de confidencialidade. Seus dados estão sempre seguros na nuvem do Google!

Assista ao vídeo abaixo de introdução à infraestrutura do Google Cloud!

Entre outros exemplos de como funciona o Google Cloud Platform, também temos o Google Workspace, que oferece um espaço de trabalho integrado com suporte para sua equipe por chat, e-mail, videochamadas e apps de colaboração em documentos.

É claro que também não podemos esquecer do Google Storage, um dos produtos voltado para o armazenamento em nuvem, que usa a infraestrutura robusta e confiável da Google Cloud Platform.

São diversas classes de armazenamento, que determinam o nível de disponibilidade no acesso aos arquivos e o preço do Google Cloud Platform.

  • Standard: voltada para o melhor desempenho e dados que precisam ser acessados frequentemente;
  • Nearline: alternativa ágil, indicada para dados acessados mensalmente;
  • Coldline: alternativa eficiente, indicada para dados acessados a cada três meses;
  • Archive: melhor custo-benefício, voltada para dados acessados menos de uma vez ao ano.

Saiba mais detalhes: O que é Google Storage? Para que serve? Como funciona?

Leia também:

Segue abaixo um exemplo na prática de como funciona o Google Cloud Platform em um caso de transformação digital no varejo!

Case Target: Exemplo de como funciona o Google Cloud Platform

A Target é uma rede de lojas de varejo dos Estados Unidos que foi fundada em 1902 por George Draper Dayton. É considerada a segunda maior rede de lojas de departamento nos Estados Unidos, ficando atrás apenas do Walmart.

Um dos principais destaques da Target é o seu clima e cultura organizacional que celebra a interação com seus clientes. Para a empresa, todo atendimento deve ter como base a inspiração e a alegria.

É um dos motivos que mantém a empresa como referência em inovação e satisfação, bem como o porquê de eles terem escolhido a plataforma do Google Cloud em seu cenário de transformação digital e tecnológica.

“Nós queremos ser uma força positiva por trás de milhões de clientes todos os dias. Se formos continuar fazendo isso, precisamos de uma tecnologia em nuvem que foca em experiências. É elegante, simples e adaptativo. Algo que não nos limita.” Krishnan Srinivasan – Vice-Presidente da Infraestrutura de  Nuvem e Computação da Target.

O que exatamente ele quis dizer com isso? Que encantar o cliente é o seu principal propósito. A empresa entende essa necessidade e cumpre seu papel rapidamente, não importa o quanto a tecnologia e as necessidades ou expectativas dos clientes mudem.

Com a Google Cloud Platform, a Target conseguiu implementar soluções e resolver problemas que têm impacto direto nos consumidores, associados e até mesmo em sua equipe interna, desde o design de suas lojas no varejo até à gestão de suas operações logísticas.

Portanto, a Target utilizou em especial três produtos do Google Cloud Platform:

  • Compute Engine: serviço de computação seguro e personalizável que permite criar e executar máquinas virtuais na infraestrutura do Google;
  • Google Kubernetes Engine: ambiente gerenciado para implantação de aplicativos que inclui as mais recentes inovações do Google em produtividade para desenvolvedores, eficiência de recursos, operações automatizadas e a flexibilidade do código aberto para acelerar o tempo de lançamento;
  • Computação sem servidor: plataforma sem servidor do Google Cloud permite criar, desenvolver e implantar funções e aplicativos, como código-fonte ou contêineres, simplificando a experiência do desenvolvedor ao eliminar todo o gerenciamento da infraestrutura.

Google Cloud vale a pena?

Afinal, compensa investir no Google Cloud, então? Certamente o Google Cloud Platform vale a pena devido a todas as suas vantagens e a importância da computação em nuvem nos dias de hoje, além de ser essencial para o futuro de qualquer empresa que preze pelo seu crescimento.

Entre as inúmeras vantagens do Google Cloud, podemos destacar:

  • Redução de custos operacionais;
  • Otimização de gastos;
  • Gerenciamento remoto;
  • Economia de tempo na troca de informações;
  • Alta escalabilidade facilitada;
  • Mais segurança para seus dados;
  • Processos mais eficientes;
  • Soluções personalizadas para cada setor;
  • Acompanhamento da evolução do mercado.

É difícil citar quaisquer desvantagens do Google Cloud visto que se trata de uma empresa com serviços e produtos de qualidade ao mesmo tempo que oferece um excelente custo benefício e se adapta às necessidades de cada negócio.

Talvez a única desvantagem do Google Cloud Platform que mereça atenção é em questão de se adaptar aos sistemas em nuvem para quem não tem muita familiaridade com a tecnologia, principalmente na rotina de trabalho.

Porém, os benefícios que a nuvem oferece são ainda maiores do que esses desafios que possam surgir no caminho, então não restam dúvidas de que o Google Cloud vale a pena!

E quando o assunto são outros sistemas, o próprio Google Cloud disponibiliza uma tabela e listas de seus produtos e serviços em comparação com plataformas de computação em nuvem, como AWS e Azure. Clique aqui para conferir todas as vantagens do Google Clouds diante de seus concorrentes!

Preços do Google Cloud

Os preços do Google Cloud variam de acordo com os serviços que você deseja utilizar, bem como quais são exatamente as necessidades de sua empresa.

Este é um dos grandes atrativos da plataforma, uma vez que pequenas empresas podem se adequar aos preços do Google Cloud e conseguir escalonar seus negócios com o tempo.

Todos os detalhes de valores e preços dos serviços do Google Cloud Platform podem ser vistos ao acessar o seguinte endereço cloud.google.com/pricing/list/ e escolher as opções desejadas.

Maplink e Google: uma parceria de mais de 14 anos

A Maplink é a maior revendedora de Google Maps Platform da América Latina. Ao usar as APIs da plataforma do Google Maps, você reúne o melhor da licença do Google Maps em tudo o que cria.

Divididas em 3 pilares (Mapas, Rotas e Locais), as 18 APIs do Google Maps serão capazes de solucionar diversos gargalos na eficiência dos processos, otimizar suas vendas e melhorar a experiência do consumidor.

Desenvolvemos soluções que permitem utilizar a inteligência da geolocalização para melhorar a união entres os canais online e offline, por meio da integração do seu sistema com a API do Google Maps. Mas quais são os benefícios disso na prática?

  • Aumento da eficiência nos atendimentos, reduzindo o tempo de resposta e facilitando o acesso ao histórico de cada cliente;
  • Melhora na comunicação entre cliente e empresa, garantindo uma experiência de compra muito mais positiva para o consumidor;
  • Mais agilidade no fluxo de trabalho, uma vez que o sistema passa a ser alimentado automaticamente e em tempo real;
  • Redução de custos por meio da automatização de atividades, eliminação do uso de papel e otimização dos deslocamentos ao agrupar trabalhos geograficamente próximos;
  • Acesso a dados atualizados, que facilitam o acompanhamento de métricas e indicadores que garantem a satisfação dos clientes;
  • Melhora na rentabilidade, devido ao aumento da produtividade da equipe.

Somos a maior empresa de tecnologia de geolocalização da América Latina, com 20 anos de experiência na área!

Apoiamos empresas que são protagonistas e referências nos mercados em que atuam, como: Mercado Livre, JSL, Sem Parar, Nestlé e BRF. Agende agora mesmo uma conversa com um de nossos especialistas.

Gostou do artigo? Então compartilhe em suas redes sociais e ajude outras pessoas a entenderem como funciona o Google Cloud!

Comments are closed.