quinta-feira, setembro 2, 2021

Tipos de entrega: Indicações, benefícios e desafios de cada um

Uma das principais mudanças ocasionadas pelo aumento do consumo online foi a variedade de métodos e tipos de entrega.

Mas, infelizmente, a logística brasileira é uma das mais onerosas do mundo, com grandes riscos de roubos, perdas e acidentes, infraestrutura deficitária e alta burocracia. Esse conjunto de desafios, naturalmente, torna o processo de entrega muito mais caro, lento e perigoso.

A falta de opções parecia manter a evolução da logística e a satisfação dos consumidores em um nível muito inferior ao restante do mundo. Mas, com a entrada de produtos estrangeiros com preços muito menores, identificação do frete grátis como um determinante de preferência e o aumento da competição, as empresas precisaram buscar soluções urgentes.

Antes as formas mais comuns eram através dos correios e transportadoras, dependendo da natureza e do tamanho do produto. O que, naturalmente, restringia a negociação de prazos e valores.

Solução? Diversificação! Dentre elas a implementação de diferentes tipos de entregas, muito mais rápidos, eficientes e cômodos para o cliente.

Essa tendência começou, principalmente, em multinacionais e grandes empresas do varejo. Mas, hoje, com a popularização de alguns acessos e tecnologias, pequenos negócios também já começaram a oferecer uma variedade de tipos de entregas para aumentar a comodidade do cliente. Além, é claro de aumentar a agilidade do processo e diminuir os custos.

Vamos conhecer quais os principais métodos e tipos de entrega utilizados no Brasil e no mundo?

Principais tipos de entrega

Tipos de entrega

Antes de elencarmos os tipos de entrega, é preciso compreender que essa etapa consiste no trajeto do produto até a posse do cliente final. Afinal, em alguns formatos que citaremos, o consumidor pode ir até um ponto determinado e retirar a mercadoria de forma ativa.

De maneira geral, os tipos de entrega podem variar de acordo com alguns fatores, como:

  • Veículo utilizado;
  • Prazo (entrega comum, expressa, same day delivery, next day delivery);
  • Fornecedor (terceirizado, frota própria, freelancers);
  • Método de entrega.

Considerando estes fatores, existe, hoje, um leque de possibilidade de tipos de entrega e meios. Veja abaixo quais são os principais.

1 – Correio

Vamos começar por um dos mais antigos tipos de entrega utilizados tanto por pessoas, quanto por empresas: os correios. Esse meio é utilizado, hoje, por pequenas empresas e para transportar mercadorias de pequeno porte.

O correio é um meio brasileiro, mas existem outros deste mesmo formato, como o Fedex, por exemplo. Os maiores benefícios deste tipo de entrega é a abrangência de localidades e facilidade de envio.

Afinal, os correios podem entregar por toda a extensão territorial, de norte a sul. Não é necessário realizar contratos e todas as empresas podem utilizá-lo. Mas temos alguns contras, é um dos tipos mais caros de entrega proporcionalmente ao valor do produto. E, caso seja uma mercadoria de alto valor agregado, a empresa precisa contratar algum serviço de seguro para evitar perdas e impactos no faturamento.

Outro ponto negativo é a variação de prazos e recorrentes paralisações, que podem comprometer a experiência do cliente e dificultam a oferta de prazos mais competitivos. Além, é claro, das restrições quanto a natureza, peso e dimensões dos produtos.

2 – Transportadora

Os tipos de entrega realizados por transportadoras já são utilizados há muito tempo no mercado. Nestes casos contratamos uma empresa especializada em transporte para realizar a entrega até o cliente final, ou em pontos de distribuição.

As principais vantagens deste tipo de entrega é dividir as responsabilidades, maior possibilidade de negociação e sem limitações quanto às dimensões do produto. Dentre as desvantagens temos a necessidade de firmar contratos profissionais, determinar responsabilidades e realizar o gerenciamento deste fornecedor.

Além, é claro, do cuidado em escolher transportadoras confiáveis e que estejam alinhadas com os objetivos do seu negócio. Caso contrário a imagem da sua empresa pode ser prejudicada com atrasos recorrentes, perdas e um nível de serviço aquém do combinado.

3 – Frota própria

O terceiro item da nossa lista de tipos de entrega é a frota própria. Muito comum em empresas que recebem um volume grande de pedidos e precisam atendê-los de forma rápida.

Vale ressaltar que essa frota pode ser de caminhões, vans, carros, motos e, até mesmo bicicletas. O que a diferencia dos demais tipos de entrega é que a empresa é a única responsável por todos os fatores que envolvem o transporte.

Como você já deve imaginar, nestes tipos de entrega, utilizando a frota própria, as empresas possuem muito mais autonomia, além de controle total sobre a qualidade do serviço, prazos e valores envolvidos.

O ponto negativo, no entanto, são os custos e as responsabilidades. Afinal, a empresa precisa adquirir os veículos, realizar a manutenção, arcar com as perdas, tributos e todos os demais custos de transporte.

4 -Click & Collect / Pick up in store

Uma das maiores inovações, atualmente, nos tipos de entrega é o click & collect, ou pick up in store. Essa já era uma tendência internacional e estava dando seus primeiros passos no Brasil, mas foi acelerada devido à pandemia.

Neste modelo o cliente pode comprar a sua mercadoria online, pelo site, app ou até em um marketplace e retirar em algum local da sua preferência. Ou seja, ao invés da empresa enviar para o endereço do cliente é ele quem faz a retirada. Dentre as possibilidades deste tipo de entrega, temos:

    • Retirada na loja – O consumidor escolhe o ponto de venda mais próximo para fazer a retirada do item;
    • Retirada em parceiros – Se a empresa possui poucos pontos de venda, ela pode fechar parcerias com outros estabelecimentos, que funcionam como um local de retirada;
    • Lokers – Este talvez sejam um dos tipos de entrega mais recentes, no Brasil. Neste caso, o produto é enviado para um armário, loker, localizado em pontos estratégicos, ou dentro da própria empresa e o cliente apenas faz a retirada;
    • Retirada no depósito – Esse tipo de retirada é ideal para clientes que estão localizados perto de algum depósito da empresa e não podem, ou não querem, aguardar o prazo de entrega.

Esses tipos de entrega possuem uma série de benefícios, como, por exemplo, prazos e valores de frete muito menores. Afinal, a empresa pode utilizar de uma logística de distribuição já existente para atender o cliente. Diminuindo, assim, os custos envolvidos no transporte.

O ponto negativo deste tipo de entrega é a necessidade de um ponto de apoio que seja realmente estratégico para o cliente. Além de medidas de segurança para evitar roubos e furtos.

5 – Drones

Sim! Já existem algumas empresas que trabalham com drones como um dos tipos de entrega disponíveis para o cliente. A Amazon é uma destas, veja só:

Bom, estamos falando de um dos tipos de entrega mais complexos e, claro, menos conhecidos. O que gera alguns benefícios, mas uma série de pontos negativos. É inegável, por exemplo, que este formato de entrega impacta diretamente na experiência do cliente, tanto pelo alto nível tecnológico, quanto pela agilidade de entrega.

Os potos negativos, no entanto, são inúmeros, como:

  • Exigência de um alto nível tecnológico;
  • Desconhecimento referente a normas e legislação;
  • Alto risco de perdas e furtos;
  • Restrição quanto à distância percorrida;
  • Entre outros.

Saiba mais: Modalidades de Entrega: como ajudam a aumentar as vendas?

A maioria dos pontos negativos dos tipos de entrega que citamos acima podem ser minimizados com a implementação de ferramentas adequadas. Por exemplo, para diminuir os riscos, custos, otimizar recursos e melhorar o planejamento logístico, a sua empresa pode investir em soluções de geolocalização, sistemas de roteirização e API’s de integração. Como as da Maplink, por exemplo.

Conheça abaixo um pouco mais sobre nossas soluções para tornar suas entregas muito mais seguras e eficientes.

Maplink Platform

As APIs Maplink foram criadas para se adaptar às necessidades da sua empresa e sistema, indo muito além do mercado logístico. Como? Bom, nós oferecemos:

  • Serviço de roteirização para rotas simples e com múltiplos pontos, que se adapta ao seu tipo de veículo (carro, caminhão, moto, bicicleta, etc) e considera, para planejamento final, todas as especificidades e restrições da sua operação, além de te apresentar o tempo e custo total.
  • API Planning, que foi criada para otimizar a sua operação, integrando a criação de rotas, com atribuição para os seus veículos ou equipes, para que o custo total seja reduzido e a produtividade aumente.
  • Inclusão de gastos com pedágio (presentes nas suas rotas) nos cálculos da operação e facilidade no pagamento, para garantir previsões e controle de custos efetivos.
  • Cálculos de matriz simplificados, considerando tempo e distância entre destinos (com base na melhor rota) e melhora na experiência de navegação e compra do seu cliente, além de ganhar visibilidade sobre a sua operação.

Ficou curioso para conhecer mais sobre a Maplink? Então, veja abaixo um pouco mais sobre a nossa empresa.

Maplink

A Maplink, junto com o seu time de TI ou desenvolvimento, oferece uma plataforma de APIs que integram com os sistemas da sua empresa, usando a tecnologia para otimizar as operações, garantindo informações estratégicas e a redução de custos logísticos.

Somos a maior empresa de tecnologia de geolocalização da América Latina, com 20 anos de experiência na área!

Desenvolvemos soluções que permitem utilizar a inteligência da geolocalização para melhorar a integração entres os canais online e offline, por meio da integração do seu sistema com a API do Google Maps. Mas quais são os benefícios disso na prática?

  • Integração e implementação de APIs para otimização de processos operacionais;
  • Nossas APIs integram facilmente com qualquer tecnologia ou sistema (TMS, CRM, WMS e outros). Além disso, o seu time terá acesso a uma documentação completa e a um time de especialistas dedicado, garantindo uma implementação rápida.;
  • Otimização de rotas de entrega;
  • Acesso a dados atualizados, que facilitam o acompanhamento de métricas e indicadores que garantem a satisfação dos clientes.

Apoiamos empresas que são protagonistas e referências nos mercados em que atuam, como: Mercado Livre, Raízen, Gol Linhas Aéreas, Nestlé e BRF. Agende agora mesmo uma conversa com um de nossos especialistas.

Newsletter
Últimos Posts

Novo recurso para o cálculo de pedágio proporcional de acordo com a nova lei!

O sistema de livre passagem, também conhecido como "Free Flow" ao redor do mundo, chegou ao Brasil e está...

Artigos Relacionados